TOP 10 FILMES FRANCESES DA HISTÓRIA DO CINEMA

top-10-filmes-franceses

Como eu disse nos posts deste tema, é um desafio master fazer uma lista de indicações de filmes de cada país. Soa até pretensioso definir toda a história do cinema de um país numa lista de 10 filmes apenas. Mas gosto de desafios e vamos continuar pelo cinema japonês.

A história do cinema francês começou com o próprio cinema. Nomes como Georges Méliès, Léon Gaumont, Auguste e Louis Lumière são responsáveis pelo cinema como conhecemos hoje e todos são franceses. Desde a primeira exibição dos irmãos Lumière até os inúmeros curtas de Georges, o cinema francês é sem dúvidas, o pontapé inicial da sétima arte que tanto amamos. 

Porém, considerando a importância, grandes clássicos do cinema francês são basicamente, até a década de 70. Mas para ninguém dizer que não favoreço os mais recentes, no final da lista de hoje, coloquei também 10 filmes populares, que valem muito a pena serem vistos e até revistos, mesmo que nenhum se encaixe num top 10 do país.

A lista abaixo contém 10 filmes essenciais, além de outros 20 que julgo importantíssimos (alguns eu gosto de rever até mais do que os da primeira parte). De qualquer forma, é uma lista honesta, que tentei ser menos injusto possível (o que certamente não acontecerá numa lista de filmes americanos, por exemplo). 

Boa sessão:

Direção: Abel Gance

O filme mostra a infância de Napoleão, seus dias de escola, até chegar à fase adulta. Nessa época o jovem Bonaparte vai para a Córsega passando a fazer parte da Revolução Francesa. Logo, se transforma num grande estrategista, somando ao currículo incríveis e vitoriosas batalhas. Esta cinebiografia seria a primeira de uma série de seis filmes, que não chegaram a ser realizados.

Direção: Carl Theodor Dreyer

A jovem camponesa Joana D'Arc (Maria Falconetti) é condenada à morte por ter liderado o povo francês contra o exército invasor inglês, dizendo que foi inspirada por Jesus e São Miguel. Ela passa pelas suas últimas horas de vida em que é capturada pelos ingleses, levada à prisão, torturada, vai à julgamento por heresia e por fim é executada. Durante todo esse tempo, ela sofre por causa das acusações e também devido ao abandono da Igreja Católica e dos seus compatriotas franceses.

Direção: Jean Renoir

Em uma casa no campo, a tradicional burguesia francesa da época (final da década de 30) passa um tempo com os empregados durante o verão. Em um baile de máscaras que tomou lugar dentro da propriedade várias ligações românticas são feitas. Diversas tramas amorosas se desenrolam tanto do lado dos patrões como do lado dos empregados, levando a um trágico final para que a ordem social corrupta se mantenha intacta.

Direção: Marcel Carné

Paris, 1828. No meio da multidão do Boulevard do Crime, encontram-se atores e malabaristas. Aqui começa o amor frustrado de Garance com o mímico Baptiste Deburau. Apaixonado, ele não consegue se declarar, pois o espírito livre da mulher o intimida. Ao mesmo tempo, a filha do diretor do teatro, Nathalie, nutre um amor secreto pelo mímico e o jovem ator Frédérick Lemaître começa um relacionamento com Garance, que também ama Baptiste em segredo.

Direção: Robert Rossen

O pacato advogado Willie Stark (Broderick Crawford) começa a ganhar fama por defender os mais pobres. Com reputação de homem honesto e apoiado pelas massas graças ao seu jeito caipira, o jurista popular passa a almejar novos objetivos, ingressando na política. Inicialmente subestimado, Stark começa a ganhar poder e se tornar tão corrupto quanto aqueles que um dia criticou.

Direção: Henri-Georges Clouzot

Las Piedras é um vilarejo controlado pela Southern Oil Company (S.O.C.) que está tomado pela pobreza. Quando um incêndio é iniciado num poço de petróleo perto do lugar, o presidente da S.O.C emprega um grupo de homens para ir ao local de caminhão e prevenir novos acidentes. O verdadeiro problema surge quando obstáculos começam a aparecer, sendo o primeiro uma íngreme montanha.

Direção: Alain Resnais

Hiroshima, 1959. Uma atriz francesa casada (Emmanuelle Riva) veio de Paris para trabalhar num filme sobre a paz. Ela tem um affair com um arquiteto japonês (Eiji Okada) também casado, cuja esposa está viajando. Nos dois dias que passam juntos várias lembranças vêem à tona enquanto esperam, de forma aflita, a hora da partida dela. 

Ela conta que foi "tosquiada", pois se apaixonou por um alemão (Bernard Fresson) quando tinha apenas 18 anos e morava em Nevers, sendo libertada no dia em que seu amor foi morto, já no final da 2ª Guerra Mundial. Por ter amado um inimigo ela foi aprisionada por sua família numa fria e escura adega e agora, 14 anos depois, novamente sente o gosto de viver um amor quase impossível.

Direção: François Truffaut

Para o jovem parisiense Antoine Doinel a vida não passa de uma complicação atrás da outra. Cercado por adultos sem consideração, incluindo seus pais que não prestam atenção nele, Antoine passa seus dias com seu melhor amigo, Rene, fazendo planos arriscados para melhorar de vida. Quando um de seus esquemas dá errado, Antoine acaba tendo problemas com a lei e vai ter que enfrentar as autoridades que não simpatizam com ele.

Direção: Alain Resnais

Num imenso e luxuoso palácio barroco transformado em hotel (e em labirinto espaço-temporal), entre corredores, salões decorados e estátuas, um estranho tenta convencer uma mulher casada a fugir com ele. Ele diz conhecê-la. Diz que foram amantes. Entretanto, parece difícil fazê-la lembrar de que tiveram um caso (ou que não tiveram) no ano passado, em Marienbad.

Direção: Claude Lanzmann

Os campos de extermínio nazistas mostrados a partir de imagens e depoimentos de sobreviventes, testemunhas e até de pessoas que organizavam ou trabalhavam no processo de extermínio em massa. Centrado nessas pessoas, ele mostra que o anti-semitismo que provocou o enorme massacre ainda estava bem vivo na época, principalmente na Alemanha e na Polônia. 

Com mais de 9 horas, esse é o filme mais longo listado no livro 1001 filmes para ver antes de morrer, editado por Steven Jay Schneider.

Direção: Abel Gance

Primeira Guerra Mundial. Durante o combate, Jean Diaz (Romuald Joubé) e François Laurin (Séverin-Mars) estão apaixonados por Edith (Marise Dauvray) enquanto experimentam os terrores da frente de batalha. Edith acaba se casando com François, contrariada e obrigada pelo pai, e se enamora de Jean.

Direção: Jean Vigo

Quando Juliette (Dita Parlo) se casa com o aventureiro Jean (Jean Dasté) ela vai viver em seu navio. À bordo dele está também o capitão Père Jules, um sujeito um tanto quanto bizarro. Juliette logo se entedia com a vida ao mar, e escapa para conhecer a vida noturna de Paris, o que deixa Jean furioso. Ele então vai embora, deixando-a para trás. Só que logo Jean se entristece com a falta da esposa, e Père Jules vai tentar achar Juliette para trazê-la de volta.

Direção: Henri-Georges Clouzot

Uma pequena cidade do interior é perturbada por uma grande quantidade de cartas anônimas assinadas “O Corvo”. Dr. Rémi Germain, sombrio e mal visto pelos conservadores, é o primeiro alvo: ele é acusado de praticar abortos e de ser amante de Laura Vorzet, esposa do psiquiatra do hospital. Um a um, o médico-chefe e o administrador são atacados pelo Corvo. Os rumores do povo recaem sobre a enfermeira Marie Corbin, cuja chegada gerou muitas inimizades.

Direção: Jean Cocteau

Adélaïde, Bela, Félicie e Ludovic são irmãos de uma família à beira da ruína. Certa noite, o pai está andando perdido por uma floresta e acaba procurando refúgio em um castelo fantástico, onde vive uma fera terrível. Quando seu pai rouba uma rosa do castelo, Bela é obrigada a morar com a fera.

Direção: Jacques Tati

Mr. Hulot (Jacques Tati) decide passar férias num hotel próximo a um balneário francês, mas acidentes e confusões insistem em acontecer onde quer que ele vá. O bem-intencionado Hulot acaba com a paz do local e impede o descanso dos demais hóspedes, provocando uma onda de catástrofes.

Direção: Jules Dassin

Tony é um rapaz que, ao sair da prisão, descobre que sua namorada não manteve fiel à ele. Decido então a voltar ao mundo do crime, ele começa a bolar um assalto de grandes proporções à uma joalheria, junto com seu bando. Porém, ele não contava que um de seus comparsas iria cometer um erro fatal para a execução do plano.

Direção: Henri-Georges Clouzot

Michel Delassalle dirige com mão de ferro um pensionato para meninos, assistida por sua doce esposa Christina. Ele tem por amante Nicole Horner, professora da instituição. Cansadas do despotismo de Michel, as duas mulheres associam-se para assassinar o odioso personagem. Alguns dias depois do crime, o cadáver desaparece.

Direção: Jacques Becker

Em prisão preventiva por tentativa de homicídio, Claude Gaspard divide a cela com quatro detentos. Aos poucos, a confiança se estabelece e os quatro lhe revelam seu plano de fuga. Todas as noites, eles se revezam para cavar um túnel. À véspera da evasão, Claude é convocado à sala do diretor da prisão.

Direção: Georges Franju

Génessier (Pierre Brasseur), um célebre cirurgião, tem uma filha (Edith Scob) terrivelmente desfigurada por conta de um acidente automobilístico. Com a ajuda da assistente Louise (Alida Valli) ele sequestra jovens moças e transplanta a pele delas para o rosto da filha, tentando reconstruir sua beleza.

Direção: François Truffaut

Baseado no livro de Henri-Pierre Rouché, o filme aborda a amizade do alemão Jules (Oskar Werner) e do francês Jim (Henri Serre). Os dois amigos acabam se apaixonando por Catherine (Jeanne Moreau), formando um intenso e conturbado triângulo amoroso. Esse amor se estende no tempo por mais de 20 anos. Mas, quando a Primeira Guerra Mundial acontece, o triângulo se desfaz.

Direção: Agnès Varda

Cléo (Corinne Marchand) é uma cantora francesa que vive um momento de angústia, enquanto espera o resultado de um exame. O teste pode apontar se ela tem ou não um câncer de estômago. Sem saber o que fazer, Cléo perambula pela cidade de Paris. Ela passa uma hora e meia fazendo coisas banais, à procura de distração, até que conhece um soldado que está prestes a ir para a guerra na Argélia.

Direção: Jean-Luc Godard

Na Itália uma equipe grava sob direção de Fritz Lang um filme baseado na Odisseia, de Homero. Camille (Brigitte Bardot) é casada com Paul (Michel Piccoli), um escritor que foi contratado pelo produtor americano Jeremy (Jack Palance) para escrever o roteiro por 10 mil dólares. O desprezo de Camille começa quando ela passa a acreditar que o marido tentou vendê-la ao produtor, quando ele insiste para que a bela mulher fique sozinha com Jeremy. Uma série de mal-entendidos faz com que a relação do casal vá se fragmentando.

Direção: Jean-Luc Godard

Arthur (Claude Brasseur), Odile (Anna Karina) e Franz (Sami Frey) formam o triângulo do filme. Franz é um rapaz boa pinta que conhece Odile em uma aula de inglês. Ela vive em Joinville e conta para o jovem que o seu patrão guarda uma fortuna no quarto. Interessado pela grana, Franz resolve falar com seu amigo Arthur, que está devendo dinheiro para o tio. Os dois rapazes vão seduzir a moça e tentar convencê-la a auxiliar no roubo.

Direção: Jacques Demy

Cherbourg, 1957. Guy Foucher (Nino Castelnuovo) é um jovem de 20 anos que foi criado pela madrinha e trabalha como mecânico de carros. Ele é apaixonado por Geneviève Emery (Catherine Deneuve), uma adolescente de 17 anos que ajuda sua mãe viúva no negócio da família, uma loja de guarda-chuvas elegante, mas pouco lucrativa. Geneviève também o ama, mas sua mãe acha que ela é muito nova para casar e não vê como Guy pode manter uma família. Ele é convocado para o serviço militar e ela descobre estar grávida. Surge o dilema: esperar o retorno do amado ou seguir adiante?

Direção: Jean-Luc Godard

Ferdinand Griffon (Jean-Paul Belmondo) está entediado com a sociedade parisiense. Certa noite, ele deixa a esposa em uma festa e volta sozinho para casa, onde encontra uma antiga amiga, Marianne Renoir (Anna Karina), trabalhando como babá dos seus filhos. No dia seguinte, ele aceita fugir com a bela para o Mediterrâneo, mas o casal vai ser perseguido por mafiosos.

Direção: Robert Bresson

Balthazar é um burro constantemente explorado, que passa de dono em dono. Sua existência é triste e dura, e muitas vezes ele é maltratado. Através da convivência com o homem, ele pode ver todos os aspectos bons e maus do ser humano. A vida de Balthazar é comparada a de Marie (Anna Wiazemsky), uma jovem reservada e ingênua que se envolve com o sádico e cruel Gérard (François Lafarge), que depois a rejeita. Ao final de sua vida o burrinho passa a viver com um gentil dono de moinho, que o considera um santo reencarnado.

Direção: Jean-Pierre Melville

Jeff Costello (Alain Delon) é um assassino profissional metódico e perfeccionista. Seus atos são cuidadosamente planejados nos mínimos detalhes e ele nunca foi surpreendido em ação. Uma noite, porém, ele é flagrado por uma testemunha durante uma execução. A partir de então sua vida transforma-se num inferno.

Direção: Jean-Pierre Melville

Em 1942, as tropas alemãs invadem e ocupam todo o território da França. A investida nazista faz com que diversos grupos formem batalhões de resistência à invasão. No entanto, por causa da ação de um traidor, Philippe Gerbier (Lino Ventura), um dos chefes das forças de resistência, é capturado e preso em um campo de concentração. Lá, ele precisará encontrar forças para escapar e perseguir o traidor.

Direção: Jean-Pierre Melville

Corey (Alain Delon) é um charmoso ladrão que deixou a prisão no mesmo dia que o assassino Vogel (Gian Maria Volonte) escapou da custódia do superintendente de polícia Mattei. Assim começa a parceria entre os dois bandidos, que juntos com um ex-policial planejam um roubo de jóias. Só que eles precisam escapar da ira de um chefe da máfia, roubado por Corey, e da perseguição policial.

Direção: Louis Malle

França, inverno de 1944. Julien Quentin (Gaspard Manesse) é um garoto de 12 anos que frequenta o colégio St. Jean-de-la-Croix, em grandes dificuldades por conta da 2ª Guerra Mundial. Ele ganha um inimigo com a chegada de Jean Bonnett (Raphael Fejto), um introvertido garoto. Mais tarde Julien descobre que o menino é judeu e os dois se tornam melhores amigos, mas a tragédia chega à escola quando a Gestapo invade o local.


Direção: Krzysztof Kieslowski

Após um trágico acidente em que morrem seu marido e sua filha, a famosa modelo Julie (Juliette Binoche) decide renunciar sua própria vida. Ela se afasta de tudo e todos e assume o anonimato em meio a multidão parisiense. Essa existência fantasmagórica é abandonada quando ela decide se envolver com uma importante obra inacabada de seu marido, um músico de fama internacional.

Direção: Mathieu Kassovitz

O judeu Vinz (Vincent Cassel), o árabe Saïd (Saïd Taghmaoui) e o pugilista Hubert (Hubert Koundé) vivem no subúrbio de Paris e encaram diariamente a discriminação e os abusos da polícia. Durante mais um dos corriqueiros confrontos com as forças da lei, Vinz encontra uma arma e jura assassinar um policial caso seu amigo Abdel (Abdel Ahmed Ghili), espancado em interrogatório, morra em decorrência dos ferimentos.

Direção: Jean-Pierre Jeunet

Após deixar a vida de subúrbio que levava com a família, a inocente Amélie (Audrey Tautou) muda-se para o bairro parisiense de Montmartre, onde começa a trabalhar como garçonete. Certo dia encontra uma caixa escondida no banheiro de sua casa e, pensando que pertencesse ao antigo morador, decide procurá-lo ­ e é assim que encontra Dominique (Maurice Bénichou). Ao ver que ele chora de alegria ao reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e adquire uma nova visão do mundo. Então, a partir de pequenos gestos, ela passa a ajudar as pessoas que a rodeiam, vendo nisto um novo sentido para sua existência. Contudo, ainda sente falta de um grande amor.

Direção: Olivier Dahan

A vida de Edith Piaf (Marion Cottilard) foi sempre uma batalha. Abandonada pela mãe, foi criada pela avó, dona de um bordel na Normandia. Dos 3 aos 7 anos de idade fica cega, recuperando-se milagrosamente. Mais tarde vive com o pai alcoólatra, a quem abandona aos 15 anos para cantar nas ruas de Paris. Em 1935 é descoberta por um dono de boate e neste mesmo ano grava seu primeiro disco. A vida sofrida é coroada com o sucesso internacional. Fama, dinheiro, amizades, mas também a constante vigilância da opinião pública.

Direção: Olivier Assayas

Figura chave do terrorismo internacional dos anos 70 e 80, Carlos, "o Chacal", foi simultaneamente associado à extrema esquerda e considerado um mercenário oportunista a serviço dos serviços secretos de governos asiáticos. Aliando-se ao ativismo pró-palestino e ao Exército Vermelho Japonês, constituiu sua própria organização, instalando-se do outro lado da cortina de ferro. Simultaneamente manipulador e manipulado, foi um personagem contraditório, que deixou-se levar pelo fluxo da história e por seus desvios e encarnou, ao mesmo tempo, a violência de sua época.

Direção: Eric Toledano, Olivier Nakache

Philippe (François Cluzet) é um aristocrata rico que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um assistente, ele decide contratar Driss (Omar Sy), um jovem problemático que não tem a menor experiência em cuidar de pessoas no seu estado. Aos poucos ele aprende a função, apesar das diversas gafes que comete. Philippe, por sua vez, se afeiçoa cada vez mais a Driss por ele não tratá-lo como um pobre coitado. Aos poucos a amizade entre eles se estabele, com cada um conhecendo melhor o mundo do outro.

Direção: Jacques Audiard

Alain (Matthias Schoenaerts) está desempregado e vive com o filho, de apenas cinco anos. Ele parte para a casa da irmã em busca de ajuda e logo consegue um emprego como segurança de boate. Um dia, ao apartar uma confusão, ele conhece Stéphanie (Marion Cotillard), uma bela treinadora de orcas. Alain a leva em casa e deixa seu cartão com ela, caso precise de algum serviço. O que eles não esperavam era que, pouco tempo depois, Stéphanie sofreria um grave acidente que mudaria sua vida para sempre.

Direção: Michael Haneke

Georges (Jean-Louis Trintignant) e Anne (Emmanuelle Riva) são um casal de aposentados apaixonados por música. Eles têm uma filha musicista que vive em outro país. Certo dia Anne sofre um derrame e fica com um lado do corpo paralisado. O casal de idosos passa por graves obstáculos que colocarão o seu amor em teste.

Direção: Abdellatif Kechiche

Adèle (Adèle Exarchopoulos) é uma garota de 15 anos que descobre, na cor azul dos cabelos de Emma (Léa Seydoux), sua primeira paixão por outra mulher. Sem poder revelar a ninguém seus desejos, ela se entrega por completo a este amor secreto, enquanto trava uma guerra com sua família e com a moral vigente.

Direção: Paul Verhoeven

Michèle (Isabelle Huppert) é a executiva-chefe de uma empresa de videogames, a qual administra do mesmo jeito que administra sua vida amorosa e sentimental: com mão de ferro, organizando tudo de maneira precisa e ordenada. Sua rotina é quebrada quando ela é atacada por um desconhecido, dentro de sua própria casa. No entanto, ela decide não deixar que isso a abale. O problema é que o agressor misterioso ainda não desistiu dela.


Tecnologia do Blogger.