10 WESTERNS ENVOLVENDO CARAVANAS

10-westerns-envolvendo-caravanas

Um dos elementos mais marcantes dos westerns são as caravanas, que na maioria das vezes mostram colonos indo de um ponto ao outro em busca de melhores oportunidades. Abaixo, listei 10 filmes em que vemos caravanas desbravando o Oeste americano. 

Boa sessão:


Nesta aventura, considerada o primeiro Western épico, um grupo de pioneiros viaja do Kansas para o Oregon através do oeste selvagem. Em sua busca eles enfrentam o calor do deserto, montanhas de neve, fome, além dos inevitáveis ataques indígenas. O filme foi o mais popular de 1923 nos Estados Unidos e no Canadá. Uma grande produção da Paramount para o seu tempo, com um orçamento estimado em 782 mil dólares. O primeiro épico americano não dirigido por D. W. Griffith.


Um dos primeiros épicos do cinema sonoro, “A Grande Jornada” foi feito para comemorar o centenário da partida da primeira caravana que saiu de Independence com destino às fronteiras ocidentais dos EUA. Nesta arrebatadora aventura dos pioneiros, o jovem e corajoso guia Breck Coleman (John Wayne) conduz milhares de colonos por perigosos despenhadeiros, cruéis tempestades de neve, ataques de indígenas e estouros de manadas de búfalos, levando-os a seu destino no oeste distante. Durante a viagem, ele se apaixona pela linda pioneira Ruth (Marguerite Churchill), e nunca desiste de tentar ganhar seu coração.


Buck Roberts está liderando uma caravana de abastecimento da estrada de ferro e Jim Corkle e seu capanga Loder estão fora de pará-los usando os homens brancos vestidos como índios pelos ataques.

Este foi o último filme na carreira de Buck Jones. Em 28 de novembro de 1942, ele foi convidado de alguns cidadãos locais em Boston para famosa casa noturna Coconut Grove. Um incêndio se iniciou e quase 500 pessoas morreram em um dos piores desastres já registrados.  


Um grupo de mórmons vai fundar uma nova colônia no Rio San Juan Rio e contrata os astutos Travis e Sandy como guias. Logo se junta a eles a trupe de Doc Hall e os Clegg Boys, bandidos em fuga que consideram uma caravana mórmon o disfarce ideal.


No tempo em que o “Oeste” dos EUA se estendia somente até o Texas e a Califórnia, a região começava a receber os primeiros colonos brancos. Havia uma severa carência de mulheres entre os trabalhadores da fazenda de Roy Whitman, no vale da Califórnia. Assim, Whitman vai até Chicago, no leste, para recrutar 150 mulheres que desejassem se tornar esposas de seus empregados.


Em 1866, o pistoleiro Glyn McLyntock guia uma caravana do Missouri até o Oregon. Cavalgando sozinho para verificar o caminho, ele resgata o também pistoleiro Emerson Cole que estava para ser enforcado. Tanto McLyntock como Cole conhecem a reputação um do outro e se respeitam. Os dois vão com a caravana até a cidade de Portland, onde negociam mantimentos para o inverno com o comerciante Tom Hendricks. McLyntock e os pioneiros seguem de navio até as terras onde irão se estabelecer. Ficam na cidade Cole e Laurie Baile, a filha do líder da caravana.


Johnny Hawks (Kirk Douglas) é um patrulheiro mestiço incumbido de guiar comboio de criadores de gado por território indígena. Seus esforços são minados por homens brancos que exploram os nativos. Durante a liderança dessa caravana, Hawks só consegue pensar em seu amor por Onahti (Elsa Martinelli). Quando ele resolve desviar seu caminho para vê-la, acaba colocando toda a tribo e a caravana em grande perigo.


Em 1846, uma família deve viajar a Oregon, mas não vai ser uma tarefa fácil. Passando em territórios dominados por índios hostis, eles preferem usar a inteligência do que partir para o combate. Na diligência, liderada por James Stephen, estão a família dele e um bravo aspirante a médico.


Épico que narra os 50 anos da expansão americana rumo ao Oeste, entre 1830 e 1880, vistos através das experiências das famílias Prescott e Rawlings, desde os primeiros pioneiros até a chegada da estrada de ferro, trazendo o progresso, e as transformações ocorridas no período, como o estabelecimento de uma típica família de pioneiros na região, desde sua chegada ao Velho Oeste, e os desdobramentos e pequenas e grandes tragédias por que passa em sua evolução. 


Em 1843, o viúvo William Tadlock (Kirk Douglas) lidera uma caravana de colonizadores ao longo da chamada Trilha do Oregon. Ele é acompanhado pelo seu filho pequeno e tem como guia o competente Dick Summers (Robert Mitchum). A liderança do senador é contestada, principalmente pelo fazendeiro Lije Evans (Richard Widmark) e sua família, com Tadlock aumentando a tensão ao se insinuar para a esposa do homem. 

No caminho, eles enfrentam toda sorte de perigos, desde índios Sioux atrás de “água de fogo” (whiskey), o deserto interminável, e rios e montanhas difíceis de transpor. Além disso há o convívio prolongado as centenas de pessoas da caravana originando não só amizade mas também cobiça, paixões e ódio.


Classicline lançou este filme imperdível em DVD, que pode ser adquirido no site da empresa ou nas lojas parceiras. Abaixo, veja detalhes da edição. E para comprar, só clicar no link acima. 
 
➤Informações do filme e da edição:

Elenco: John Wayne, Marguerite Churchill, El Brendel
Direção: Raoul Walsh, Louis R. Loeffler
Produtor: Winfield R. Sheehan
Roteiro: Hal G. Evarts
Fotografia: Lucien N. Andriot, Arthur Edeson
Direção de Arte: Harold Miles
Ano de produção: 1930
Pais de Produção: Estados Unidos
Formato de tela: Letterbox
Cor: P&B
Duração 122 min. aprox.
Idioma: Espanhol , Inglês
Legendas: Português
Extras: Galeria de Fotos,Cartazes originais.
Quantidade de discos: 1


Tecnologia do Blogger.