NEORREALISMO ESSENCIAL - 20 FILMES PARA CONHECER O MOVIMENTO


Neo-realismo foi um dos principais movimentos culturais, surgido na Itália pós-guerra cuja maior expressão foi no cinema. O conceito foi amplamente trabalhado no post "O que é o Neorrealismo Italiano" (só clicar no link ao lado e ser feliz).

Abaixo uma lista de 20 filmes essenciais para compreender o movimento na prática.

Boa sessão:

Direção: Luchino Visconti

Gino Costa (Massimo Girotti) é um andarilho que arranja um emprego em um restaurante de beira de estrada. Lá ele se envolve com a casada Giovanna (Clara Calamai), uma mulher inquieta, que só se casou com Bragana (Juan de Landa), o dono do local, por necessidade. Juntos eles planejam uma fuga, e ela convence o amante de matar seu marido para que eles possam ficar juntos. No entanto, tudo parece estar contra os dois.

Direção: Roberto Rossellini

Roma, 1944. Um dos líderes da Resistência, Giorgio Manfredi (Marcello Pagliero), é procurado pelos nazistas. Giorgio planeja entregar um milhão de liras para seus compatriotas. Ele se esconde no apartamento de Francesco (Francesco Grandjacquet) e pede ajuda à noiva de Francesco, Pina (Anna Magnani), que está grávida. Giorgio planeja deixar um padre católico, Don Pietro (Aldo Fabrizi), fazer a entrega do dinheiro. Quando o prédio é cercado, Francesco é preso pelos alemães e levado para um caminhão. Gritando, Pina corre em sua direção e é metralhada no meio da rua. Giorgio foge para o apartamento de sua amante, Marina (Maria Michi), sem imaginar que este seria o maior erro da sua vida.

Direção: Roberto Rossellini

O filme é composto de seis episódios que mostram a luta das tropas aliadas para libertar, entre julho de 1943 e o início de 1945, diversas regiões da Itália do domínio nazista.  São histórias de amor, amizade e lealdade que focalizam o relacionamento do povo italiano com os soldados estrangeiros:
Episódio I - Um soldado americano recebe a missão de proteger uma carrancuda siciliana e tenta comunicar-se com ela, que é monoglota
Episódio II - Um menino das ruas de Nápoles rouba as botas de um soldado negro
Episódio III - Um soldado bêbado reencontra-se com uma prostituta, mas não a reconhece
Episódio IV - Uma enfermeira americana, com a ajuda de um partisan, enfrenta as balas inimigas com o intuito de salvar seu grande amor
Episódio V - Uma discussão teológica entre um católico, um protestante, um judeu e um grupo de monges franciscanos
Episódio VI - Um confronto sangrento entre homens da OSS e um bando de soldados alemães que não aceitam a rendição.

Direção: Vittorio De Sica

Roma, 1945, a guerra chegou ao fim. Duas crianças desfavorecidas, Giuseppe e Pasquale, dedicam-se ao mercado negro para concretizarem o seu sonho: comprar um cavalo. São rapidamente apanhados e enviados para uma prisão de menores, onde reina a crueldade e a violência. Para poupar um castigo físico ao seu amigo, Pasquale, o mais velho, confessa a sua culpa. Mas Giuseppe considera este ato uma traição, que acaba com a sua amizade.

Direção: Roberto Rossellini

Em Berlim, após o final da 2ª Guerra Mundial, Edmund (Edmund Moeschke), um garoto de uma família muito pobre, trabalha para sustentar o pai doente, sua pequena irmã e o irmão, que não tem documentos. Um dia, ao conversar com um antigo mestre (Erich Gühne), fala do seu pai enfermo e entende ter recebido um conselho para matar seu pai, um peso morto. Ele começa a pensar na ideia.

Direção: Luchino Visconti

Logo após a Segunda Guerra Mundial, um jovem pescador, junto com a sua família, se revolta contra a exploração que sofre dos seus superiores no porto de Catania, na Sicília. Eles então hipotecam a casa e fundam seu próprio comércio para tentar escapar dos patrões. Só que sem conseguir ajuda de ninguém, eles vão se deparar com muitas dificuldades, e descobrir que a realidade desse modo é ainda mais dura.

Direção: Vittorio De Sica

A história se passa logo após a Segunda Grande Guerra, com a Itália destruída e o povo passando necessidade. Ricci consegue um emprego após muita espera. Só que esse emprego, de colador cartazes na rua, lhe pedia como obrigação uma bicicleta. Ricci e sua mulher Maria conseguem um dinheiro para uma, possibilitando que ele realize o seu trabalho. Há também o menino Bruno, filho do casal. Fascinado por bicicletas, o menino cai de cabeça com o pai na busca pela bicicleta que lhes foi roubada, quando Ricci trabalhava apenas em seu primeiro dia.

Direção: Giuseppe de Santis

Produção dividida entre o realismo social e o melodrama passional que projetou mundialmente o cinema italiano e revelou um dos grandes mitos eróticos do pós-guerra: Silvana Mangano. A denúncia das duras condições de trabalho das plantadoras de arroz, no vale do Pó, fez com que milhares de espectadores se divertissem pela ingênua e transbordante sensualidade da atriz, então estreando. Ao seu lado brilharam astros como Raff Valone, que seria galã em numerosas produções internacionais, e o excêntrico e versátil Vittorio Gassmann. O diretor, Giuseppe de Santis, foi um dos idealizadores do movimento neo-realista.

Direção: Roberto Rossellini

Na Itália, após o fim da 2ª Guerra Mundial, Karen (Ingrid Bergman), uma lituana, se casa com um pescador, Antonio (Mario Vitale), para deixar de viver em Farfa, um campo de concentração, pois não conseguiu um visto de emigração para a Argentina. Porém a vida na aldeia de Antonio, que fica numa ilha no Mediterrâneo aos pés do vulcão Stromboli, é bastante dura. Karen não consegue se acostumar a isto, fazendo-a entrar em conflito com o marido e a população local.

Direção: Luchino Visconti

Maddalena Cecconi (Ana Magnani), uma enfermeira que ganha a vida a dar injeções ao domicílio, inscreve a sua filha Maria (Tina Apicella) para prestar provas de seleção de jovens atrizes na Cinecittà. Para Maria a seleção é o bilhete dourado para dar à filha a vida de luxo que ela nunca lhe poderá dar de outro modo. Embora enfrentando a relutância do marido Spartaco (Gastone Renzelli), Maddalena está disposta a tudo para garantir a vitória da filha, nem que isso signifique deixar-se enganar por oportunistas como Alberto 

Direção: Vittorio De Sica

Uma fábula inesquecível premiada com a Palma de Ouro de Melhor Filme no Festival de Cinema de Cannes. Uma mulher acha um bebê abandonado num jardim. Após a morte da mãe adotiva, a criança é enviada para o orfanato. Aos 18 anos, Totó (Francesco Golisano) vai para Milão. Na cidade grande, mora num terreno ocupado por miseráveis, mudando a vida de todos com sua bondade. Após descobrirem petróleo, a felicidade dos moradores é ameaçada pelo proprietário, que manda a polícia evacuar o local. Quando tudo parece perdido, Totó recebe um presente dos céus, começando a fazer muitos milagres.

Direção: Roberto Rossellini

Irene Girard (Ingrid Bergman), mulher da alta sociedade, é esposa de um embaixador (Alexander Knox) e vive cercada de luxo e compromissos. Quase não dedica tempo ao filho e quando o menino morre repentinamente, aos doze anos, ela decide prestar mais atenção no próximo, o que provoca importantes mudanças em sua vida.

Direção: Vittorio De Sica

Anos 50, Roma. Umberto Domenico Ferrari (Carlo Battisti), funcionário público aposentado, vive de aluguel num pequeno quarto junto com seu fiel companheiro Flik, um cachorro. Eventualmente ele conversa com Maria (Maria-Pia Casilio), jovem criada do prédio, grávida e solteira. Em dificuldades por conta de sua pequena pensão, Umberto recebe um ultimato da dona do quarto: ou paga o que deve ou será despejado.

Direção: Federico Fellini

Em Rimini, uma pequena cidade italiana, Moraldo, Alberto, Fausto, Leopoldo e Riccardo formam um grupo que nada mais faz do que passar o seu dia-a-dia em farras, conquistas amorosas ou estando numa qualquer esplanada ou salão de jogos. São sustentados pelos pais e não têm vontade nenhuma de trabalhar. No entanto, esse modo de vida acaba para Fausto quando engravida a irmã de Moraldo e, à pressa, é obrigado a casar. Uma responsabilidade que ele não quer, até porque a paixão libertina pelas mulheres continua acesa… O filme foi filmado nas cidades de Florença, Rimini e Viterbo, participou do Festival de Veneza de 1954 e venceu o Leão de Ouro.

Direção: Federico Fellini

Gelsomina (Giulietta Masina) é vendida pela mãe para o brutamonte Zampanò (Anthony Quinn), estrela de um número em que arrebenta correntes amarradas em seu corpo. A jovem auxilia Zampanò e passa a também ser apresentar como palhaça, seguindo o estilo de Chaplin. A garota é constantemente maltratada pelo homem, que ainda a agride sempre que tenta fugir. Quando os dois se juntam a um circo, Gelsomina fica encantada com Bobo (Richard Basehart), provocando ciúmes em Zampanò.

Direção: Roberto Rossellini

Catherine (Ingrid Bergman) e Alexander Joyce (George Sanders) formam um rico casal de ingleses que viaja para Nápoles, na Itália, com o objetivo de vender uma propriedade que eles herdaram. O relacionamento começa a esfriar e a tensão entre os dois cresce cada vez mais. Catherine entra numa jornada nostálgica ao se lembrar de um poeta que a amava e morreu na guerra. A memória dele supre a falta de romance em seu dia-a-dia. Ela começa a percorrer os museus de Nápoles e Pompéia, imergindo-se no fascínio que os habitantes da cidade tinham pelos mortos. Alexander vaga pela ilha de Capri, flertando com mulheres, mas sem se envolver com nenhuma. Entretanto, todas essas experiências fazem com que eles acabem redescobrindo o verdadeiro sentido do amor que há entre eles.

Direção: Pietro Germi

Andrea Marcocci (Pietro Germi) é um maquinista ferroviário, que trabalha na mesma empresa por mais de trinta anos. Ele é extremamente satisfeito com seu trabalho, no entanto, em casa ele tem problemas com seu filho desempregado Marcello (Renato Speziali) e sua filha Giulia (Sylva Koscina), que engravidou cedo, sendo próximo apenas de Sandro (Edoardo Nevola), seu filho caçula. Sua vida muda quando ele quase causa um grave acidente, fazendo com que Andrea seja retirado do seu posto durante as investigações. Perdido e deprimido, ele se torna uma pessoa agressiva e se afunda no alcoolismo. 

Direção: Federico Fellini

Cabíria (Giulietta Masina) é uma prostituta que sonha em encontrar um grande amor. E com isso sofre grandes decepções. Na abertura do filme, ela encontra-se feliz com um pretendente, mas a decepção vem logo quando ela descobre que na verdade ele está interessado em seu dinheiro. Cabíria ainda ficará surpresa ao perceber que as pessoas destroem as outras por causa de dinheiro. 

Direção: Luchino Visconti

O filme conta a história da Família Parondi, através da matriarca Rosaria (Katina Paxinou) e seus filhos Rocco (Alain Delon), Simone (Renato Salvatori), Ciro (Max Cartier) e Luca (Rocco Vidolazzi). Depois da morte do marido, ele saem de sua cidadezinha e vão tentar a sorte em Milão. Lá, a família de imigrantes vai sofrer grandes golpes. Rocco e Simone tentam a sorte no boxe e se apaixonam pela mesma mulher, a prostituta Nadia (Annie Girardot).

Direção: Pier Paolo Pasolini

Vittorio Caraldi (Franco Citti) ou, para quem o conhece, "Acattone", que significa "mendigo" em italiano, é um italiano que vive as custas da prostituição de Maddalena (Silvana Corsini). Ele é casado com Ascenza (Paola Guidi) com quem tem um filho, mas não mantém muito contato com eles. Quando Maddalena, sua fonte de renda, fica ferida por ser atropelada por uma moto e por ser espancada por inimigos de Vittorio, além de ser presa, ele é obrigado a procurar emprego. E seguida, ele conhece Stella (Franca Pasut), uma jovem por quem se apaixona.


Blu-ray: Ladrões de Bicicleta 
Edição Limitada com 1 Pôster + 1 Livreto + 3 CARDs (1 Blu-ray + 1 DVD)

A Versátil lançou LADRÕES DE BICICLETA, marco neorrealista do mestre Vittorio De Sica e um dos maiores filmes de todos os tempos em Edição Definitiva Limitada, que traz esse clássico em inédita versão restaurada em um disco Blu-ray (50Gb de dupla camada), que inclui também outra obra-prima do diretor italiano em HD: UMBERTO D. (1952), e um disco DVD com QUATRO HORAS DE VÍDEOS EXTRAS, contendo especiais sobre os dois filmes e documentários sobre De Sica e o roteirista Cesare Zavattini. Edição Definitiva Limitada com 1 pôster, 1 livreto e 3 cards exclusivos para colecionadores.

Disco 1BLU-RAY

- Versão restaurada de “Ladrões de Bicicleta” (89 min.)
- Versão restaurada de “Umberto D.” (89 min.)

Disco 2DVD

- Especial sobre neorrealismo (40 min.)
- Especiais sobre “Umberto D.” (44 min.)
- Especiais sobre “Ladrões de Bicicleta” (48 min.)
- Documentário sobre De Sica (56 min.)
- Documentário sobre Cesare Zavattini (56 min.)


Informações sobre a edição:

Título: Ladrões de Bicicleta, Umberto D.
Título original: Ladri di biciclette, Umberto D. 
País de produção: Itália
Ano de produção: 1948-1952
Gênero: Drama
Direção: Vittorio De Sica
Elenco: Lamberto Maggiorani, Enzo Staiola, Carlo Battisti, Maria Pia Casilio, Lina Gennari
Resolução: 1080p High Definition
Idioma: Italiano
Áudio: Italiano LPCM Mono 1.0
Legenda: Português
Formato de tela: Fullscreen 1.37:1
Tempo de duração: 178 min.
Região: A
Preto & Branco
Faixa etária: 14 anos

Extras: 

Especial sobre neorrealismo (40 min.), Especiais sobre Umberto D. (44 min.), Especiais sobre Ladrões de Bicicleta (48 min.), Documentário sobre De Sica (56 min.), Documentário sobre Cesare Zavattini (56 min.)


Tecnologia do Blogger.