MONSTROS 1ª TEMPORADA (1964) SÉRIE REVIEW

monstros-1-temporada-1964-serie-review

Hoje vamos falar da serie clássica "A família Addams"...não...espera. É outra. Os monstros. Mas não é a mesma coisa?

Parece piada, mas não é. Muitas pessoas confundem as duas séries. E sinceramente, há vários motivos para isto. Ambas são de 1964. As duas se encerraram em 1966. Elas têm o mesmo formato (sitcom), duração (em torno de 30 min. o episódio), quase o mesmo número de episódios distribuídos em duas temporadas.  Ate os personagens se assemelham fisicamente e em número (A família Addams com uma criança a mais). E a história, obviamente, traz duas famílias excêntricas lidando de forma bem humorada, com o contraste social que enfrentam. Sua estreia foi em 24/09/1964 pela emissora CBS, uma semana depois da estreia da série “A Família Addams” pela ABC.


Bom, hoje vamos falar da série Os monstros.

A grande sacada da série é que a família, embora estranha, se julga normal, sempre estranhando o comportamento das pessoas que os veem.

Na série, Os Munsters viviam no número 1313 da Mockinbird Lane, em Mockinbird Heights , um subúrbio fictício na Califórnia.  A família era formada por Fred Gwynne, que interpretava Herman, o pai da família que parecia o monstro de Frankenstein; Yvonne De Carlo era Lily Munster, a mãe e vampira dona de casa; Al Lewis fazia Grandpa Munster (ou o vovô), um vampiro que lembrava o Conde Drácula; Eddie Munster, o filho lobisomem, interpretado por Butch Patrick; e a "feia" Marylin, sobrinha de Lily, interpretada por Pat Priest. 


A grande sacada da série é que a família, embora seja estranha, se julga normal, sempre estranhando o comportamento das pessoas que os veem. Os monstros tinham um carro para toda a família e Vovô era dono um caixão sobre rodas! A família tinha animais de estimação que apareciam somente de vez em quando, e um em especial, nós nunca vemos, só ouvimos.

Os figurinos e aparições dos membros da família são baseados, obviamente, nos monstros clássicos da Universal Studios das décadas de 1930 e 1940. A Universal também produziu a série e  assim foi capaz de usar esses designs protegidos por direitos autorais, incluindo sua versão icônica do monstro de Frankenstein para Herman. Há, por exemplo, uma antológica participação do Monstro da lagoa negra.


O piloto da série foi gravado em cores (disponível no box abaixo), com outra atriz interpretando Lily, que no momento se chamava Phoebe, porém a continuação da série foi feita em preto e branco para dar aquela atmosfera soturna e, claro, para economizar recursos (seria 10 mil dólares mais caro por episódio).

Os créditos de abertura da primeira temporada foram uma paródia abertura de The Donna Reed Show (1958), que sempre começou com Donna Reed distribuindo carinhosamente os almoços para os membros da família quando saíam de casa um por um. Yvonne De Carlo , como Lily Munster, fez a mesma coisa. O título da série é a fusão de fun (divertido) com monsters (monstros), ficando Munsters.


Vovô (interpretado por Al Lewis, nascido em 1923) era um ano mais novo que sua "filha" Lily (interpretada por Yvonne De Carlo , nascida em 1922). Herman era o mais jovem dos adultos (interpretado por Fred Gwynne, nascido em 1926).

Beverley Owen fez o papel de Marilyn nos primeiros 13 episódios. Ela estava apaixonada por seu noivo em Nova York, e o amor falou mais forte. Ela pensou que a produção seria um fracasso por conta da premissa que ela julgava estranha.  Topou fazer a série, imaginado que  não duraria muito, porém ela se tornou um sucesso. A moça quase entrou em depressão, por estar presa contratualmente em Los Angeles enquanto seu namorado Jon Stone estava em Nova York. 


Os outros membros do elenco pediram aos produtores para libertá-la de seu contrato para que ela pudesse se casar e eles assim o fizeram. Ela foi substituída por Pat Priest , que se parecia tanto com Beverly Owen, que os espectadores nunca sabiam a diferença. Ironicamente, Beverley Owen se divorciaria de Jon Stone 10 anos depois e nunca mais apareceria na tela depois daqueles primeiros 13 episódios.

Em 1966, lançaram um filme colorido chamado “Munsters, Go Home!”, mas não foi suficiente para dar continuidade com a série na TV.  Em 1973, a Franquia produziu um desenho chamado “The Mini-Munsters”, e um remake da série foi feito em 1988, chamado “The Munsters Today”.  Ainda foram lançados posteriormente mais dois filmes, chamados “Here Comes The Munsters”, de 1995 e “The Munsters’ Scary Little Christmass”, de 1996.


Mas claro, nenhum deles foi capaz de resgatar o sucesso ou a nostalgia da série clássica.

Monstros no Brasil

Tudo começou na Rede Globo, indo ao ar às 20h num horário tradicional da emissora que antecedia a telenovela. Ficou no canal até 1969. Em 1970 migrou para as tardes na Record. Ocupando vários horários e dias diferentes conforme ditava a audiência, a série ficou até 1974 no canal. Depois de um hiato de 15 anos fora da grade, voltou, agora para o SBT. 1 ano depois voltou para a Record. Em 1992 foi a vez da Bandeirantes exibir nos fins de tarde.

A série foi redublada e remasterizada para a sua exibição pelo canal a cabo Nickelodeon no bloco Nick at Nite em 2005. As cópias atuais precisaram ser remasterizadas, pois os originais que vieram ao Brasil estavam muito danificados em imagem e banda sonora.


Veja o "Antes e depois" dos personagens principais 

Como toda série episódica, há participações especiais de atores iniciantes na época ou já consagrados. Então, fizemos um antes e depois apenas dos personagens centrais. Confiram como estão ou estavam até sua data de falecimento.










A Screen Vision lançou Os Monstros - 1ª Temporada (DVD) em mais uma edição imperdível. 

Em uma casa assustadora na rua Mockingbird vivem Os Monstros, a família mais estranha que você pode encontrar. Eles são honestos e de grande coração, porém não entendem porque os vizinhos desaparecem correndo de pavor quando eles chegam. Prepare-se para se divertir com a primeira família assustadora da televisão! Venha conhecer Herman (Fred Gwynne), Lily (Yvonne DeCarlo), Vovô (Al Lewis), Marilyn (Beverley Owen) e Eddie (Butch Patrick) Monstro. Nesta eterna série de comédia, o inesquecível clã lança um feitiço hilariante que fará todos rirem muito a cada novo episódio.

Bônus: Piloto Nunca Exibido na TV
Retrato de Família em Cores

DISCO 1: Mascarada Monstruosa / Meu Querido Monstro / Passeio Pelo Lado Macio / Dorme, Dorme Monstro / A Malícia de Pike / Monstros em declínio.
DISCO 2: O Homem de Lata /Herman, o Grande / Bata na Madeira, Aí Vem Charlie/ Cigarras de Outono/ Um Passeio à Meia-Noite / A Beldade Adormecida / Retrato de Família.
DISCO 3: Vovô Sai de Casa / O Rival de Herman / Vovô Dá o Grito da Selva / Família de Estrelas / Se um marciano atender, desligue! / O Apelido de Eddie / Morcegos da Mesma Pele.
DISCO 4: Nadando em dinheiro / Dance comigo, Herman / Agente secreto / Amor Trancado / Volte Pequeno Googie / Fora Monstros! / Um Monstro em Casa.
DISCO 5: O Grande Astro/ Herman, o Esportista / Country Club dos Monstros / Love Comes To Mockingbird Heights / Múmia Monstro / Lily Modelo / Monstro, o Magnífico.
DISCO 6: O Vale Feliz de Herman / O Carrão do Vovô / Cabide de Empregos / Cuidado, Aí Vem Herman!.

ELENCO:

Mihaly 'Michu' Meszaros: ALF (disfarce) / Paul Fusco: ALF (voz) / Max Wright: Willie Tanner / Anne Schedeen: Kate Tanner / Andrea Elson: Lynn Tanner / Benji Gregory: Brian Tanner / John LaMotta: Trevor Ochmonek / Liz Sheridan: Raquel Ochmonek / Jim J.Bullock: Neal Tanner / Paul Dooley: Whizzer / Andrea Covell: Jody / Bill Daily: Larry / Anne Meara: Dorothy / Josh Blake: Jake Ochmonek


⇒ Informações do produto:

Formato:DVD
Título Original: THE MUNSTERS
Origem:NACIONAL
Legendas: INGLÊS - PORTUGUÊS 
Distribuidora: VINYX (DVD)
Coleção: SCREEN VISION
Idioma Original: INGLÊS - ESTEREO 2.0
Idioma do Áudio: INGLÊS/PORTUGUÊS - DOLBY DIGITAL 2.0
Ano de Produção: 1964
País de Produção: ESTADOS UNIDOS DA AMERICA
Classificação Indicativa: Livre
Região: 4
Quantidade de Discos:  6
Sistema de Cores: Preto e branco
Formato da Tela: STANDARD (323)
Sistema: NTSC
Duração: 460 Minutos






Tecnologia do Blogger.