13 FILMES ENVOLVENDO CHUVAS, TORNADOS, INUNDAÇÕES E TSUNAMIS


O cinema-catástrofe é um dos queridinhos do grande público desde o início do próprio cinema. A publicação, como diz o título, diz respeito a chuvas, inundações, enchentes  e tsunamis, e em alguns casos, todos num filme só. Eliminei da lista qualquer filme bíblico, estilo Noé, pois não achei pertinente. E retirei também os filmes catástrofes em que  uma tragédia natural desencadeia vários eventos, dentre eles chuvas, como o caso de Impacto profundo, 2012 e O dia depois de amanhã. 

São 13 obras, de diferentes épocas, que tratam dos efeitos da força da água, de alguma forma.

Boa sessão:


O filme é vagamente baseado no romance de S. Fowler Wright. A costa do Pacífico dos Estados Unidos é assolada um enorme tsunami que atinge Nova York. A onda deixa a cidade submersa e quase toda a população se afoga. Os que sobrevivem precisam reconstruir suas vidas, sabendo que a civilização nunca mais será a mesma.


A ação se passa no Tahiti na primeira metade do século XX. Um jovem marinheiro é explorado por seu patrão ligado ao governo colonial. Ele rebela-se e fica em casa,com a esposa, numa outra ilha. O cenário muda radicalmente quando chega um furacão, destruindo tudo.


Tom Ransome (George Brent) é um eterno conquistador de mulheres que vive há anos tranquilo na Índia. Certo dia, numa festa, reencontra um antigo romance, a bela Edwina Esketh (Myrna Loy). Rica e materialista, ela vive um casamento complicado com o empresário Albert Esketh (Nigel Bruce). Tom não perde tempo e joga seu charme para reconquistá-la, mas Edwina está interessada no amigo de Tom, o Major Rama Safti (Tyrone Power). Rama é um jovem médico dedicado a ajudar os mais necessitados, o que para Edwina é perda de tempo. Um grande acontecimento irá mudar a forma da bela moça ver o mundo. 


Ao viajar pela Índia, a milionária Lady Edwina Esketh (Lana Turner) e seu marido, Lorde Esketh (Michael Rennie), deixam claro que o casamento virou apenas uma fachada, pois ela diz que só casou com ele em razão do título aristocrático que ele carrega e também por não ser feio. Ele diz que Edwina é egocêntrica, gananciosa e egoísta, afirmando que a esposa tem todo o dinheiro do mundo e nenhum coração, ou seja, seria impossível ela ser magoada. Os dois estão rumando para Ranchipur, pois vão se encontrar com a marani da cidade, que tem um belo garanhão. 

Como Lorde Esketh sabe que ela precisa do dinheiro, espera comprá-lo. Edwina revê um velho amigo, Tom Ransome (Fred MacMurray), o bêbado de cidade apesar de ter uma boa condição financeira, e conhece um belo médico hindu, Safti (Richard Burton), por quem se apaixona. Lorde Esketh crê ser mais uma das várias paixões de Edwina, mas ela afirma que desta vez é diferente. Safti acaba se apaixonando por ela e isto deixa a marani irritada, pois tem outros planos para ele. Porém algo imprevisto deixará a vontade de todos em segundo plano.


Após várias semanas de chuva forte, a barragem perto de Brownsville está quase transbordando. No entanto, o prefeito se recusa a abrir as comportas, com medo dos efeitos sobre os peixes do lago, a principal fonte de comida para a cidade. Isso vai estabelecer as bases para o desastre.


Durante um violento ciclone, um barco de turismo acaba à deriva em pleno oceano. Aos seus integrantes se unem os sobreviventes da queda de um avião e do naufrágio de um navio pesqueiro. Praticamente sem comida ou água doce, e debaixo do sol quente, eles vão sucumbindo aos poucos, por fome ou por ataque de tubarões, à espera de um resgate que parece nunca vir.


Ao passar de navio por uma ilha dos Mares do Sul deserta e em ruínas, o médico francês, Dr. Kersaint, conta a uma amiga a trágica história do desastre que destruiu o lugar. O nome da ilha é Manukura, uma colônia francesa governada pelo Senhor De Laage. Ele estava em conflito com os nativos pois se recusava a interceder em favor de Terangi, um herói local que servia como imediato em um navio mercante e era casado com a bela Marama. 

Terangi fora preso ao bater em um importante homem branco num bar no Taiti e fugira depois de oito anos, reencontrando a família após navegar em uma balsa por mais de mil quilômetros. Esse momento coincide com a chegada de um terrível furacão que vai devastar a ilha.


Grupo de jovens evangélicos estava no acampamento "Raio de Luz". Na noite que antecedia a partida começa chover fortemente! Na hora da partida percebem que a chuva havia comprometido a estrada e por isso procuram uma rota alternativa... Porém a chuva não deu trégua e por isso todos são surpreendidos com uma poderosa correnteza que fez o grupo se separar e cada um tentar enfrentar a correnteza como podia. Muitos não tiveram forças para tanto. Enquanto as crianças tentam sobreviver, as famílias vivem o desespero da dor.


No Oklahoma, uma tempestade que não acontece há décadas está se prenunciando e dois grupos de cientistas rivais planejam entrar para a história colocando sensores no tornado, para que estas informações possam ir até um computador e, assim, seja possível prever sua chegada com maior antecedência. Mas para colocar os sensores é necessário ficar o mais próximo possível do tornado e torcer para que os sensores sejam sugados pela tempestade. Em uma das equipes está uma jovem (Helen Hunt) obcecada por tal ideia, pois em 1969 ela viu o pai ser sugado por uma tempestade, e atualmente ela planeja conseguir seu intento ou morrer tentando.


Outubro de 1991. Acontecia a "tempestade perfeita", uma combinação de fatores tão rara que acontece apenas uma vez por século. Com ondas do tamanho de prédios de dez andares e ventos a quase 200 km/h, poucas pessoas a viram e sobreviveram para contar história. Até que os tripulantes do Andrea Gail, um barco de pesca comercial, se viu bem no centro deste gigantesco inferno em alto-mar.


O casal Maria e Henry está aproveitando as férias de inverno na Tailândia junto com os três filhos pequenos. Mas em uma manhã, um tsunami de proporções devastadoras atinge o local, arrastando tudo o que encontra pela frente. Separados em dois grupos, a mãe e o filho mais velho vão enfrentar situações desesperadoras para se manterem vivos, enquanto, o pai e as duas crianças menores não sabem se os outros dois ainda estão vivos.


Um grupo de cientistas caçadores de tempestades liderado pelo ambicioso Pete (Matt Walsh) contrata a cautelosa meteorologista Allison Stone (Sarah Wayne Callies) para ajudar na aventura; o comportado adolescente Donnie Morris (Max Deacon), que resolve faltar a própria cerimônia de formatura para ajudar Kaitlyn (Alycia Debnam-Carey), por quem é apaixonado, em um projeto escolar – por sugestão do irmão fanfarrão Trey (Nathan Kress) – e a dupla acaba soterrada em uma antiga fábrica, de onde o pai dos meninos, Gary (Richard Armitage) tentará resgatá-los; uma dupla de bobalhões que faz de tudo para ficar famosa no YouTube. Esses são os personagens centrais que terão de enfrentar a fúria do maior tornado que a natureza já produziu.


Localizado na Noruega, o fiorde de Geiranger é um dos pontos turísticos mais espetaculares da região, mas também é um local propício para cataclismas. Após anos no centro de alerta do local, o geólogo Kristian (Kristoffer Joner) sente que alguma coisa não está normal. Os substratos estão mudando. Em plena alta temporada turística, uma onda gigante atinge o local, colocando a montanha abaixo e dando apenas dez minutos para que as pessoas consigam chegar a um terreno elevado.

Tecnologia do Blogger.