O CINEMA HIPERLINK DE QUENTIN TARANTINO


Há certa adoração em torno do cinema de Quentin Tarantino. Seus filmes são esperados por muitos e muitos fãs. Ele disse que faria apenas 10 filmes e encerraria a carreira, o que provavelmente ocorrerá nos próximos 3 anos.
Mas seu cinema é original mesmo ou apenas um recorte do que já existe? Tanto nas imagens quanto com as trilhas, se o seus filmes fossem um texto, eles seriam inteiramente formados por hiperlinks, que levariam a mundos criados por outros realizadores, às vezes nem tão importantes.
Um trabalho inegável que Tarantino faz é resgatar obras, às vezes esquecidas. Seu olhar de cinéfilo, consegue "crivar" o que será uma cena marcante para encaixar no seu filme.
Vejam abaixo, algumas destas percepções que o diretor teve e transportou para suas obras:


















Fala sem pensar e deixa tudo para fazer à última da hora. É um caos", afirma. E foi mais longe: "Ele é um cretino. Rouba a todos e mistura tudo. Nada é original. E nem se pode chamar um diretor, não é comparável aos autênticos e grandes diretores de Hollywood, como John Huston, Alfred Hitchcock ou Billy Wilder. Eles eram muito bons. Tarantino só reaquece os ingredientes.
Ennio Morricone



Um detalhe para te fazer pensar:
Não foi eu quem tirou as fotos...
Nem as montagens dos gifs...
Quem escreveu sobre ele foi o Morricone...
O título eu vi num artigo sobre o diretor...
Ou seja, fiz o que Tarantino faz: recortei partes interessantes e colei num post...
Duvido que alguém ache que não ficou legal...

Tecnologia do Blogger.