ZATOICHI - NO CINEMA E NA TV

zatoichi-no-cinema-e-na-tv

Zatoichi é um andarilho cego que sobrevive como massagista e jogador de cartas, mas por trás de sua aparência humilde esconde-se um espadachim de raro talento.  As histórias se passam no final do período Edo (décadas de 1830 e 1840). Ele foi criado pelo  romancista Kan Shimozawa .

Pouco do seu passado é revelado a não ser, claro, que ele perdeu a visão quando criança. Ele não carrega uma katana tradicional, mas uma espada de cana, com dito em um título do filme de 1967. O nome do personagem é na verdade Ichi . Zatō é um título, o mais baixo dos quatro postos oficiais dentro do Tōdōza , a guilda histórica para cegos (assim, zato também designa uma pessoa cega em gíria japonesa). A massagem era uma ocupação tradicional para os cegos.

O filme Fúria Cega, protagonizado por Rutger Hauer em 1989 e dirigido por Phillip Noyce, é uma atualização da história.


Conto de Zatoichi

O massagista cego Zatoichi é contratado pelo líder Sukegoro (Eijiro Yanagi) pois acha que um guerra é inevitável com a rival  Shigezo (Ryuzo Shimada). Zatoichi tem uma reputação distinta como espadachim e Sukegoro acha que ele é uma ótima aquisição. Porém Shigezo responde contratando um ronin de reputação similar, Miki Hirate (Shigeru Amachi). Por conta da sua condição, todos subestimam Ichi e vão pagar o preço.


Conto de Zatoichi continua

Depois de ser perseguido pelos discípulos de um senhor que cuidou e massageou, que temem q eue le poderá revelar uma fraqueza secreta do mestre, o samurai cego e massagista Zatoichi, volta à aldeia, onde um ano antes ele havia matado Hirate, um adversário que ele admirou muito. Então, Zatoichi encontra outro samurai e ex-rival no amor de uma mulher: seu próprio irmão. Ele deverá enfrentar em combates mortais, não só discípulos do mestre doente que o preseguiram, mas a seu próprio sangue/ o irmão, para prosseguir na sua jornada.


Novo conto de Zatoichi

Ichi está sofrendo com o calor, em uma estrada, e chega a um lugar onde uma disputa de sumô acontece. Ele se oferece para lutar, ganha a partida e enquanto relaxa e come em um trecho do caminho, é atacado por um Yakuza que afirma ter ido para cima de Ichi para poder ganhar a recompensa de 3 ryo que colocaram pela cabeça do espadachim cego. Ele acaba se vendo no meio de um triângulo amoroso. 
O primeiro filme colorido da série.


Zatoichi, o fugitivo

Ichi é atacado por um jovem Yakuza que ele não conhecia. O homem é contratado e diz a Ichi que ele fez isso para obter dez ryons de uma recompensa que puseram por sua cabeça. Ichi viaja para a cidade Natal logo entra em um conflito local. Um clã Yakuza persegue Zatoichi após ele derrotá-los. Em meio a tudo isso, um antigo amor volta a aparecer em sua vida. Segundo filme colorido da série, com uma das conclusões mais eletrizantes da saga.


Zatoichi, o samurai

Ichi está sendo levado para Doyoma, com todas as despesas pagas por um empregado do chefe do máfia de Doyoma, Hikozo, na promessa de apenas se encontrar com Hikozo, sem obrigação de fazer nada. No caminho, seu guia é morto pelos rivais de Hikozo, que encontraram Ichi e seu guia em uma casa de chá. Num confronto, Ichi os mata incluindo o marido de Hisa. Ele resolve ajudar a moça, porém terá que enfrentar duas gangues, que tinham interesse na mulher.


Zatoichi e o baú de ouro

Ichi viaja para a aldeia de Itakura para prestar respeitos no túmulo de um homem que ele matou dois anos antes. No túmulo ele relembra uma briga entre as duas gangues de Yakuzas (Iioka e Sasagawa de um filme anterior) que um homem fugiu e, embora Ichi não estivesse participando da luta, ele foi atacado. Ichi não imaginava que uma atitude honrosa como esta lhe traria tantos problemas. Na verdade Ichi é confundido com um ladrão e terá que fazer de tudo para achar o verdadeiro vilão.


A espada de Zatoichi

Um solitário bandido da Yakuza persegue Ichi em retaliação por ele ter ceifado a vida do chefe da Yakuza, além de buscar fama e  ganhar o prestígio de seus companheiros mais experientes. O rapaz surpreende Ichi, e "aparentemente" o mata, e depois vai aos seus amigos e diz que matou Ichi, mas sem um cadáver eles não acreditam. Ichi é resgatado por um estranho, e com a ajuda de uma mulher da cidade, ele recupera-se. Ichi então voltal para a cidade natal  para resolver sua situação de uma vez por todas.


Lute Zatoichi, lute

Enquanto estava na estrada, Zatoichi faz amizade com uma jovem mãe antes de ser violentamente assassinada. Prometendo-lhe que ele vai entregar seu bebê ao pai, o massagista cego embarca em uma aventura sentimental e acossada por perigosos bandidos. Dois clãs se juntam para atacar o "frágil" Zatoichi, que além de cego tem um neném no colo. Só que eles não imaginam com quem estão lidando.


As aventuras de Zatoichi

O espadachim cego vaga em uma cidade para celebrar o Ano Novo. Lá, ele faz amizade com uma jovem cujo pai desapareceu. Enquanto ele tenta ajudá-la a encontrá-lo, ele se envolve em uma rede de corrupção e em uma série de reviravoltas trágicas do destino. O filme começa com Ichi, mais uma vez concordando em fazer um favor a alguém. Ele poderia já ter tido a percepção de que fazer favores o leva para os piores caminhos.  Mas nem a falta de ineditismo prejudica a trama. Talvez, o melhor Zatoichi.


A vingança de Zatoichi

Ichi decide visitar seu antigo professor de massagem e se depara com uma situação em que um  pilantra local está chantageando famílias com dívidas falsas, a fim de forçar suas crianças a se prostituírem em seu bordel. Lá, crianças são trancadas, espancadas e ficam famintas, apenas voltadas para prostituição sem qualquer higiene pessoal. Ichi, ciente do que está acontecendo e, com a ajuda de um comerciante e sua jovem filha, parte para cima de encerrar este esquema.


Zatoichi e o homem condenado

Zatoichi (Katsu) recebe 50 chicotadas por jogo ilegal em Shimokura . Na prisão, seu companheiro de cela Shimazo (Mizuhara) afirma ter sido preso por falsas acusações de arrombamento , incêndio criminoso e assassinato , implorando a Ichi que contatasse para um de seus influentes associados, e  que algum deles pudesse garantir sua inocência e informar sua esposa e filha de sua situação.


Zatoichi e o especialista em Xadrez

O espadachim cego Zatoichi mais uma vez encontra-se protetor de uma criança: uma menina perseguida por dois membros de uma família  de  bandidos sanguinários. Para complicar ainda mais sua jornada, há um novo conhecido, um jogador de xadrez extremamente habilidoso (o carismático Mikio Narita), que tem motivações misteriosas e um passado sombrio.


A vingança de Zatoichi

Zatoichi encontra um homem agonizante, que pede ao massagista itinerante para entregar uma bolsa de dinheiro para seu filho. Ele concorda em cumprir o pedido, encontrando o menino em uma aldeia aterrorizada por criminosos. 
Não é a primeira "vingança" de Zatoichi, já que um ano antes, foi lançado um filme homônimo. A diferença esta no título. Enquanto um se chama Zatoichi's revenge o outro leva o nome de Blind Swordsman's revenge, o que significa, necessariamente, a mesma coisa.


Duelo na aldeia deserta

Buscando reparar seu passado violento, Zatoichi (Katsu) embarca em uma peregrinação para visitar os 88 Templos de Shikoku . Na estrada, um homem (Igawa) ataca Zatoichi mas é morto por ele. Zatoichi segue o cavalo do homem de volta para sua casa. E elá espadachim cego logo se vê defendendo a viúva de bandidos impiedosos e habitantes desprezíveis da cidade.
Escrito por Kaneto Shindo, o título esconde uma curiosidade: no original, se chama Peregrinação de Zatoichi, mas por aqui levou um título totalmente diferente. Em compensação, em 1972, há um Peregrinação de Zatoichi, mas que o título original, nada tem a ver.


A espada de cana de Zatoichi

Cansado de seu estilo de vida errante, Zatoichi anseia por se estabelecer; infelizmente, quando ele faz isso, é em uma cidade invadida pela Yakuza. Ele tem um encontro de abrir os olhos com o ferreiro da cidade, que se revela ser o aprendiz do homem que forjou a lendária espada de Zatoichi, de bambu. Ele fica sabendo que ela está prestes a se quebram e a notícia leva Zatoichi a pendurar sua espada. Mas deixando a vida de luta e seu código de honra, a atitude prova não ser tão simples.


Zatoichi, o fora da lei

Zatoichi chega a uma cidade onde uma casa de jogos está raptando seus fregueses pobres e endividados. Um estabelecimento rival move-se para pagar essas dívidas e libertar os camponeses, mas o patrão aparentemente altruísta na verdade, esta montando as bases para um esquema implacável de corrupção. É um dos mais ousados ​​da série, com seus personagens complexos, temas sociais subversivos e indignação moral.


O desafio de Zatoichi

Depois que um artista é ameaçado pela Yakuza para fazer obras pornográficas de grande valor, mas altamente ilegal, a lei descobre e pretende executá-lo. Zatoichi, tendo sido honrado para proteger o homem e sua família, agora deve agir contra a lei.
O roteiro é uma mistura de muitos elementos familiares de Zatoichi, porém é um trabalho maravilhoso feito pelos  roteiristas Ryozo Kasihara e Kan Shimosawa. Aliado ao elenco afinado e excelente direção, este é um dos melhores filmes da série.


Zatochi e os fugitivos

Para não ser confundido com Zatoichi, o Fugitivo, de 1963, Zatoichi e os Fugitivos, de 1968, foi o penúltimo filme Zatoichi dos anos 60, e conta com alguns dos bandidos mais malvados que já vimos em filmes do nosso herói cego preferido.
Zatoichi chega a uma aldeia que é o centro local de fazendas em uma região de cultivo de seda. O aldeão mais proeminente é Matsugoro, que aparentemente controla tudo e a todos, como um gângster. É quando entra em cena o grupo de fugitivos. que entrarão em conflito com Zatoichi.


Zatoichi, o samaritano

O filme mais parece um reboot da série. Zatoichi é sempre perseguido por novos desafiantes e muito conhecido por todos e aqui ninguém o conhece.
A história gira em torno de um jovem da Yakuza e sua irmã. Ele deve dinheiro e uma gangue é enviada para receber ou ceifar a sua vida.  Zatoichi é enganado esta gangue e mata o jovem. Percebendo seu erro, ele sai para proteger a irmã do morto, que está em conflito em aceitar sua ajuda.


Zatochi vai à festa do fogo

A história começa com Ichi em um "leilão de amantes". As mulheres estão sendo compradas e vendidas como acompanhantes (ou pior) e o homem que Ichi foi contratado para massagear está querendo comprar alguma delas para lhe servir. A mulher que ele acaba comprando é realmente linda, até mesmo para o massagista cego, então depois do pagamento, Ichi resolve libertá-la, trazendo consequências irreparáveis para suas vidas.


Encontro de gigantes

Zatoichi tenta acabar com a agitação em sua pequena aldeia natal causada pela rivalidade de gangues na luta pelo poder, ao mesmo tempo o guarda-costas do líder de uma delas é Yojimbo, que atua secretamente no intuito de acabar com os conflitos e descobrir um segredo guardado pelo líder rival. Será que os dois heróis perceberão a tempo que estão do mesmo lado?


Zatoichi e o espadachim de um braço

Dois dos maiores heroicos espadachins do Japão e da China encontram-se presos em uma conspiração para proteger uma criança. Mas será que a desconfiança nacional e simples mal-entendidos manterão os dois espíritos separados? . Enquanto viaja pelo interior, Zatoichi encontra Wang Kang (Jimmy Wang Yu), um espadachim chinês que protege uma criança órfã. E os inimigos de ambos plantam a semente da discórdia entre eles. 


A peregrinação de Zatoichi

Zatoichi encontra um grávida e ajuda a criança a nascer momentos antes da morte da mulher. Assim sai para encontrar o pai do bebê numa cidade não tão próxima. Quando ele chega lá, Ichi não só descobre que o pai do recém-nascido está desaparecido, mas também que é uma cidade completamente livre de yakuzas. O policial da cidade, um homem particularmente justo, até mesmo pelos padrões japoneses, conseguiu de alguma forma mantê-los longe ao longo dos anos.  Este foi  primeiro filme da série distribuído pela Toho


O desespero de Zatoichi

Quando o lendário espadachim cego tenta remediar sua culpa na morte de uma mulher idosa ao resgatar a filha de uma vida de prostituição, ele logo se vê acossado por inimigos mortais por todos os lados neste capítulo dirigido pelo próprio Zatoichi, Shintaro Katsu. Ao chegar em uma pequena cidade em busca da filha da anciã, Nishikigi, Zatoichi descobre que a bela jovem é a prostituta mais popular do bordel. Em uma tentativa desesperada para conseguir o dinheiro necessário para livrar Nishikigi da prostituição, Zatoichi arruma confusão com uma gangue Yakuza local. Agora enfrenta a ira do chefe da Yakuza local, um espadachim mortal, e amante ciumento de Nishikigi, Zatoichi enfrenta a batalha de sua vida.


Zatoichi vs a Guilhotina voadora

Zatoichi é um o homem cego que retorna à China depois de ter sido levado cinco anos antes por piratas japoneses. Ele é caçado por um homem com uma guilhotina voadora que quer se vingar... No entanto, ele está disposto a esperar até Zatoichi se vingar de um espadachim mestre que ele pensa que matou seu irmão deixando sua cunhada e sobrinho sem apoio. (Na verdade, o irmão cometeu suicídio depois de perder). E em um estranho toque do destino, o espadachim agora está agindo como o protetor da cunhada e do sobrinho.


A conspiração de Zatoichi

Zatoichi retorna para seu vilarejo natal pela primeira vez em muitos anos, mas muita coisa mudou e a corrupção tomou conta.Infelizmente, ele encontra um amigo de infância que se tornou um temido senhor do crime, mantendo os locais em dívida e roubando-lhes o arroz. 
Último capitulo da saga Zatoichi, que entraria num hiato de décadas. No ano seguinte, estreou a série que Tv, que foi até 1979. O próximo filme só foi feito em 1989.


Zatoichi - A série de Tv

A série de televisão de Zatoichi durou quatro temporadas,  num total de 100 episódios  com Shintaro Katsu no papel principal. 26 episódios, em 1974, 29 episódios, em 1976, 19 episódios, em 1978, 26 episódios, em 1979. A maioria das histórias  são dramas originais. Porém alguns são essencialmente refilmagens de filmes Zatoichi, principalmente na primeira temporada.


Zatoichi

O samurai nômade cego, estrela mais esta saga de artes marciais japonesa. Depois de ser solto da prisão sob a acusação de furto, Ichi se vê preso entre dois bandos rivais de yakuza, um dos quais conseguiu o controle de um esconderijo de armas de policiais corruptos. Zatoichi e sua espada cruza com o bando que está transportando roubos, e os enfrenta uma batalha mortal. Segue seu destino, e no caminho ainda confronta um grupo de jogadores corruptos, protege as crianças de sua aldeia, e procura conforto nos braços de uma bela cortesã.


Zatoichi

Zatoichi (Takeshi Kitano) é um andarilho cego que sobrevive como massagista e jogador de cartas, mas por trás de sua aparência humilde esconde-se um espadachim de raro talento. Numa de suas andanças ele chega a uma aldeia dominada pelo sanguinário bandoleiro Ginzo (Ittoku Kishibe), que, com a ajuda do samurai Hattori (Tadanobu Assano), seu capanga, elimina quem se oponha a seus objetivos. O embate entre Zatoichi e a quadrilha de Ginzo torna-se inevitável quando o cego conhece duas gueixas que desejam vingar a morte dos pais.


Ichi

Ichi é uma mulher cega que têm uma incrível habilidade com a espada. No decorrer de sua vida anda com pessoas frias e que tentam tirar vantagem dela por ser cega e, para se defender, ela utiliza de sua incrível habilidade com a espada que foi adquirida por alguém que cuidou dela no passado. Agora adulta ela vaga na procura dessa pessoa que ela acredita que seja seu pai. Contra sua vontade, durante a viagem Ichi acaba ganhando a companhia de Toma, um samurai de bom coração que tentou salvá-la de um grupo de criminosos, mas ele que acabou precisando ser salvo por ela. Depois de acabar com o bando, com a sua espada, os dois chegam a um vilarejo aterrorizado pelo bando, liderado pelo cruel Banki. Embora Ichi não queira lutar, ela acaba se vendo em uma batalha entre o bem e o mal.


O último Zatoichi

O filme começa errado pelo título, já que é um remake, reboot e filme de origem. O mestre espadachim cego tenta levar uma vida tranquila com sua esposa, mas ele é mais uma vez levado para sua derradeira batalha. Toraji (Sosuke Takaoka), o covarde filho de um chefe da Yakuza  assassina a esposa de Zatoichi e ele é obrigado a se voltar contra a Yakuza, que antes ele achava que eram bons moços, chegando a defendê-los equivocadamente.


A Versátil lançou “Zatoichi – A Série de Cinema”, caixa em luva reforçada com 2 DVDs que reúne os 4 primeiros filmes da lendária série de cinema do espadachim cego em inéditas versões restauradas, além de uma hora e meia de extras. Conheça um dos personagens mais populares do Japão que teve um remake dirigido por Takeshi Kitano e inspirou “Fúria Cega”, com Rutger Hauer. Edição Limitada com 4 cards.

Disco 1:

O CONTO DE ZATOICHI (Zatoichi Monogatari, 1962, 96 min.)
De Kenji Misumi. Com Shintaro Katsu, Masayo Banri, Ryuzo Shimada.

⇨ Sinopse: Aqui têm início as aventuras de um andarilho cego, que vive como massagista e jogador, mas que também é um mestre espadachim. Excelente chambara dirigido por Kenji Misumi (“Lobo Solitário”, “Os Últimos Samurais”), um dos maiores mestres do gênero. 

O CONTO DE ZATOICHI CONTINUA (Zoku Zatoichi Monogotari, 1962, 72 min.)
De Kazuo Mori. Com Shintaro Katsu, Yaeko Mizutani, Masayo Banri.

⇨ Sinopse: Zatoichi descobre o segredo de uma poderosa autoridade e logo passa a ser perseguido por um grupo de assassinos. Realizado no mesmo ano da primeira parte, essa continuação é dirigida pelo especialista Kazuo Mori (“A Vingança de um Samurai”). 


Disco 2:

NOVO CONTO DE ZATOICHI (Shin Zatoichi Monogatari, 1963, 92 min.)
De Tokuzo Tanaka. Com Shintaro Katsu, Mikiko Tsubouchi, Seizaburo Kawazu.

⇨ SinopseEm busca de paz, Zatoichi viaja para seu antigo vilarejo, mas só encontra confusão ao se ver no meio de um triângulo amoroso. Primeiro filme colorido da série, com direção de Tokuzo Tanaka, do excelente filme de samurai “A Traição”.

ZATOICHI, O FUGITIVO (Zatoichi kyojo-tabi, 1963, 86 min.)
De Tokuzo Tanaka. Com Shintaro Katsu, Miwa Takada, Masayo Banri. 

⇨ SinopseUm clã Yakuza persegue Zatoichi após ele derrotar membros da máfia num duelo. Em meio a tudo isso, um antigo amor volta a aparecer em sua vida. Segundo filme colorido da série, com uma das conclusões mais eletrizantes da saga.  

Informações técnicas da edição:

Títulos em português: O Conto de Zatoichi, O Conto de Zatoichi Continua, Novo Conto de Zatoichi, Zatoichi, o Fugitivo
Títulos originais: Zatoichi Monogatari, Zoku Zatoichi Monogatari, Shin Zatoichi Monogatari, Zatoichi kyojo-tabi
País de produção: Japão
Ano de produção: 1962-1963
Gênero: Aventura
Direção: Kenji Misumi, Kazuo Mori, Tokuzo Tanaka
Elenco: Shintaro Katsu, Masayo Banri, Ryuzo Shimada, Yaeko Mizutani, Mikiko Tsubouchi, Seizaburo Kawazu, Miwa Takada
Idioma: Japonês
Áudio: Dolby Digital 2.0
Legenda: Português
Formato de tela: Widescreen anamórfico 2.35:1
Tempo de duração: 346 min.
Região: 4
Preto e Branco & Colorido
Faixa etária: 16 anos
Extras: Documentário sobre Shintaro Katsu (58 min.), Especial sobre a série (27 min.), Trailers da coleção (12 min.)


Tecnologia do Blogger.