EMMANUELLE NO CINEMA - O DOSSIÊ COMPLETO DA PERSONAGEM NAS TELAS



Com a publicação, em 1967, do livro “Emmanuelle”, da autora francesa Emmanuelle Arsan, nascia o mito de Emmanuelle a aventureira sexual, que num universo de luxo e exotismo contava as suas fantasias e descobertas em relações com os dois sexos. A obra foi adaptada ao cinema no muito bem sucedido filme “Emmanuelle” (1974), protagonizado por Sylvia Kristel, que lançava o padrão do que se definiria por softcore, filmes cuja ênfase estava nas fantasias sexuais, com cenas quase explícitas, rodeadas por uma atmosfera de bonitos cenários, algum exotismo, e uma narrativa focada na descoberta da sexualidade feminina.

“Emmanuelle”, o filme, fez escola, tornando-se o primeiro de uma longa série. E lá se foram anos de plágio e paródias. Muitos outros filmes surgiram tentando capitalizar a fama de Emmanuelle, seja replicando o estilo, seja usando personagens com nome similar, como  Emanuela, Emanuelle, Emmanuele, Emanuele e Emmannuelle.

O post está dividido em grupo, para facilitar o entendimento. Foi um post complexo, que demorou mais de 5 meses para tomar forma, devido a natureza obscura de informações. Sites como Wikipédia e Imdb fornecem informações incompletas e redundantes. Algumas litas inclusive há filmes que não existem, bem como filmes duplicados (com nomes diferentes).

Há picaretagens incríveis, que foram difíceis de desvendar, tornando este, o post mais completo sobre a Emmanuelle no mundo. E isto, claro, até alguém copiar...

Confiram...


Como dito acima, tudo começou com esta série. E com a atriz Sylvia Kristel, que inclusive faleceu em 2012, aos 60 anos, vitimada por um câncer. Sem dúvidas, a série de filmes que vale a pena dar atenção, até porque é a que serviu de inspiração para cópias e mais cópias.
Foi um grande sucesso, inclusive nos cinemas.

Uma modelo, Emmanuelle (Sylvia Kristel), vai de Paris até Bangcoc, na Tailândia, para se encontrar com o marido, Jean (Daniel Sarky), que atua no corpo diplomático. Lá Emmanuelle tem aventuras amorosas com homens e mulheres do novo círculo de amizades, apesar de amar Jean. Ele também tem casos extraconjugais, no entanto ambos aceitam este comportamento, que Emmanuelle se recusa a rotular de traição, pois não há mentiras entre eles.

Depois de um tempo viajando, cada vez mais experiente e deslumbrante, Emmanuelle (Sylvia Kristel) vai à Hong Kong para encontrar o seu marido, Jean (Umberto Orsini) com quem ela tem um relacionamento aberto. Mas a presença de uma jovem garota que passa a conviver com o casal, faz seus sentidos ficarem à flor da pele e arder de desejo. Ela não pode nem se quer evitar sua busca pela exploração e descoberta de um mundo sexual repleto de fantasias. O clímax será inesquecível.
Detalhe: Laura Gemser trabalha no filme.

Emmanuelle leva uma vida liberal e alegre nas ilhas Seychelles com o seu marido, até a chegada de um jovem cineasta, cheio de idéias para o seu novo filme. É quando o ciúme se interpõe na relação. Emmanuelle agora procura emoções ainda mais fortes.

Sylvia (Sylvia Kristel) sofre uma grande desilusão amorosa e para fugir do namorado, se submete a cirurgia plástica para mudar sua fisionomia completamente. Loira e rejuvenescida ela se transforma na bela Emmanuelle (Mia Nygren). Junto de sua psiquiatra, Emmanuelle viaja para o Brasil em busca de novas sensações e se entrega a ardentes aventuras amorosas. Ao se sentir incompleta, ela decide lutar por sua antiga paixão, Marc (Patrick Bauchau), utilizando os seus novos dotes.

Festival de Cannes. O filme "Expresso do Amor". estrelado por Emmanuelle (Monique Gabrielle), causa críticas dos mais conservadores em razão de suas cenas de sexo. Isto não impede que alguns fanáticos admiradores de Emmanuelle peguem partes da sua roupa e acabem deixando-a literalmente nua. Ela consegue escapar pulando na lancha de Charles Foster (Dana Burns Westburg) e se envolvem enquanto rumam para Saint-Tropez. Foster demonstra preocupação ao saber que o filme dela será logo lançado em Benglagistan, um pequeno país governado pelo príncipe Rajid (Yaseen Khan). Charles tenta em vão convencê-la que, se for para Benglagistan, ela nunca mais sairá de lá. Mas logo após sua chegada ela se convence que, se não fugir, fará parte do harém de Rajid.

Após regressar num vôo de Caracas, uma bela mulher, Emmanuelle (Natalie Uher) não recorda nem seu nome em razão de um trauma sofrido quando ela e outras 4 modelos foram fazer um desfile na Floresta Amazônica para um grande proprietário de terras, Morales (Luis Carlos Mendes). O professor Simon (Jean-René Grossart) consegue gradativamente que ela recorde algumas coisas, mas para a parte mais traumatizante Emmanuelle continua bloqueada.

Com a ajuda da realidade virtual, Emmanuelle (Sylvia Kristel) tenta ajudar uma colega de internato, Sophie (Caroline Laurence), de um trauma sexual que aconteceu há 20 anos. Mas parece que Sophie não está animada em "voltar no tempo", apesar de Emmanuelle ser a "cafetina de um bordel eletrônico", que permite que se tenha sensações extremamente reais. Paralelamente muitas pessoas perguntam sobre o paradeiro de Frantz Gotzerman (Roland Waden), um vencedor do Prêmio Nobel que parece não dar importância à honraria. Porém Emmanuelle sabe que Gotzerman está totalmente viciado em realidade virtual.


Esta série de filmes é protagonizada por Marcela Walerstein, porém uma das coisas mais marcantes, é que antes dos filmes (que são histórias contadas) há sempre uma dupla ilustre: a própria Sylvia Krystel e o ex James Bond George Lazenby.
Nos filmes Krystel conversa com seu amigo Mario (Lazenby) sobre suas peripécias quando jovem. Os filmes eram figura fácil no Cine Privê da rede bandeirantes.

Emmanuelle é atingida por um carro num acidente e fica com amnésia. Levada para o hospital nos serviços do professor Simon, a jovem é submetida a um teste para avaliar os danos que foram causados na sua memória. Assim ela volta a sua viagem de origem ao Tibete e passa a descobrir novas fantasias através do cheiro de perfumes.

Uma bela modelo negra utiliza todos seus dotes físicos para provocar os homens, se envolvendo numa emocionante disputa. Ao participar de uma filmagem, ela acaba despertando os desejos do produtor. Por não ceder aos seus apelos, ela acaba sendo demitida e parte, então, para um jogo extremamente sensual. O preço pode ser alto: sua verdadeira identidade está prestes a ser revelada.

O jovem e promissor escritor Sam está experimentando uma dramática crise de inspiração. Será a Emmanuelle magnífico, no sugestivo cenário da ilha de Bali, que vai revelar suas fantasias mais secretas erótico.

Emmanuelle e sua amiga Coco visitam uma amiga que está com o casamento em baixa. Usando sua magia, ela faz com que o marido dela se interesse de novo pela esposa, reativando a vida sexual do casal. Depois, as duas embarcam numa viagem com muita sensualidade para a África.

Utilizando seu perfume secreto, Emmanuelle transforma-se em gêmea de uma amiga para ajudá-la a conquistar o homem de seus sonhos. A brincadeira acaba num confuso triângulo amoroso.

Uma bela e jovem viúva mora com sua sórdida madrasta, amiga de Emmanuelle. Seu único conforto é proporcionado por sua amável criada, que vira sua amante e depois sua cúmplice em seus jogos amorosos. Enquanto isso, Emmanuelle tenta ajudar a amiga a reencontrar a felicidade. Com seus poderes mágicos, ela tenta reaproximá-la de seu antigo amante, o único homem que poderá verdadeiramente satisfazê-la.

Dessa vez Emmanuelle está à bordo de um avião durante uma viagem de Paris À Bangkok, ela reencontra seu antigo amor, agora um famoso cantor de rock e junto com ele relembra momentos amorosos de suas vidas.


Emmanuelle in Space é uma série televisiva erótica de ficção científica estadunidense produzida para cabo em 1994. É livremente baseada na personagem Emmanuelle. A série é estrelada por Krista Allen, uma jovem hedonista que se encontra ensinando os caminhos da sexualidade a um grupo de alienígenas que aterrissam na Terra.
A série tornou-se amplamente conhecida no Brasil devido aos reprises da Rede Bandeirantes, também no Cine Privê. 

Emmanuelle é capturada por seres de outro planeta que a convencem de lhes ensinar como os seres humanos se relacionam sexualmente. Primeiro filme da série "Emmanuelle no espaço", figurinha fácil dos cine privê da band. É também conhecido como "First contact"e os sites costumam enumerá-lo como um novo filme. 

A jovem e sedutora Emmanuelle é mais uma tripulante da nave espacial comandada pelo Capitão Haffron no filme da série Emmanuelle no Espaço. Nesta produção, a famosa personagem passa por aventuras em lugares exóticos, como o Himalaia, e explora a cultura sedutora dos ciganos. Ela é interpretada pela americana Krista Allen, que ganhou fama após atuar no seriado "Baywatch". Já o Capitão Haffron é interpretado por Paul Michael Robinson, que além e ator é fotografo, produtor e modelo.

Um dos amigos alienígenas de Emmanuelle, que vieram à Terra para aprender sobre os humanos e o amor, desafia o capitão de sua nave ao se apaixonar por uma humana.

Emmanuelle continua com as suas eróticas instruções, revelando os segredos de amor, sexo e emoções dos humanos para seus espaciais visitantes. Emmanuelle agora ensina Haffron sobre sexo. Eles vão para a Terra e a tripulação fica monitorando tudo, enquanto eles fazem sexo. Haffro conta a ela que eles já tinham vindo para a Terra e que existe um grupo que os perseguem. Eles vão para um local seguro, mas mesmo assim os encontram. Eles conseguem fugir.

Emmanuelle resolve passar a noite na nave de seus amigos extraterrestres. Durante seu sono, os alienígenas monitoram seu sonho. Emmanuelle sonha que possui um gênio e que ele a ajuda a encontrar o amor verdadeiro. No final do sonho ela descobre em um dos alienígenas o homem que pode fazê-la feliz.

Emmanuelle está de volta neste drama eróticas. Desta vez, ela está a viajar pela Amazônia, onde ela está sendo utilizada como um modelo por um fotógrafo de moda. No entanto, Emmanuelle leva algum tempo fora de ficar bonita e encontrar novas aventuras sexuais quando ela descobre que o capitão do barco fretado para levar o seu partido é na verdade um famoso ladrão de jóias.

Emanuelle (Krista Allen) começa o episódio em uma nave, com seus alienígenas raptores. Ela coloca sobre sua cabeça um aparelho que a levava a uma outra dimensão imaginária, em que ela deveria performar atos sexuais que ensinassem aos aliens o verdadeiro amor que estes tanto admiravam nos seres humanos.


O título "Private" era bem comum no final dos anos 90 e início dos anos 2000 por associar a filmes pornográficos. Nada mais tendencioso (e aproveitador) que fazer uma sequência de filmes Emmanuelle com "private" no nome. A série é protagonizada por Natasja Vermeer, que era uma atriz e modelo holandesa.
Ela também compõe música e canta para vários filmes.

Emmanuelle se sente solitária longe de seu noivo Steve, que viajou para outro país a trabalho. Vulnerável e carente, Emmanuelle é envolvida por Abigail, uma deusa do sexo, que a leva a redescobrir sua sexualidade. Assombrada por essa energia que desperta nela um gosto pela vida e pela beleza artística, Emmanuelle se entrega a esse desejo e seus amigos acreditam que ela está enlouquecendo.

Encantadas com seus novos namorados, as amigas de Emmanuelle estão apaixonadas. Porém, Emmanuelle tem dúvidas sobre o que é o amor enquanto observa o relacionamento de cada uma. Acidentalmente, ela evoca o espírito do amor, que a mostra outras faces desses relacionamentos enquanto ensina a ela novos truques. Assim, Emmanuelle aprende a verdade sobre o amor.

Emmanuelle tem uma nova missão: ajudar um talentoso artista a recuperar sua criatividade e melhorar suas obras. Em busca de inspiração o jovem se encontra com a especialista Emmanuelle, que o ensina tudo sobre os amor e suas artes e o ajuda a criar obras cada vez mais apaixonantes.

Emmanuelle e algumas amigas viajam para uma vila alugada para as férias de verão. Elas não desconfiavam que o local estava assombrado pelos fantasmas dos antigos proprietários. Quando todas estão instaladas, eles aparecem para possuir o grupo e explorar a sua sexualidade latente.

Quando uma festa de despedida na casa de Emmanuelle é interrompida por um homem misterioso, coisas estranhas começam a acontecer. Será que ela vai salvar os seus amigos e ela vai cair sob o feitiço do Príncipe das Trevas?

Liderando o popular talk show no rádio, Brittany O Dell considera-se como uma especialista em casos de amor. No caminho ela encontrou muitos parceiros e separou-se com a mesma facilidade. No programa, ela conversa com o público, discutindo os assuntos mais íntimos.

Jesse é uma famosa advogada que começa a receber ameaças de um homem que está prestes a ser solto da prisão. O stress está deixando Jesse travada e ela não consegue se abrir emocionalmente e fisicamente. Conforme as ameaças continuam, ela começa a temer por sua vida e busca os conselhos de Emmanuelle


Emanuelle negra é uma série sexploitation softcore italiana inspirada no primeiro filme da série de sucesso francesa Emmanuelle, que havia sido lançado no ano anterior ao primeiro filme da série italiana. Como aquele filme, foi seguido por uma longa seqüência de continuações oficiais e não oficiais.

A série segue as viagens eróticas, bizarras e ocasionalmente violentas de Emanuelle, uma jornalista investigativa hedonista (interpretada geralmente por Laura Gemser).

Versões sem cortes de vários filmes Emanuelle contêm cenas que mostram penetração real. Igualmente Black Emanuelle e Emanuelle Around the World contêm cenas em que a personagem Emanuelle é vista fazendo sexo explícito. Essas cenas foram criadas com inserções de hardcore, usando uma dublê de corpo. Laura Gemser nunca praticou atos sexuais explícitos no filme, nem foi informada que uma dublê de corpo seria usada.

Após expor uma grande rede de trágico de drogas, a repórter Emanuelle acaba sendo presa por falsas acusações e come o pão que o diabo amassou na mão das agentes penitenciárias e de uma das detentas, a sádica Albina. Um dia, quatro prisioneiros perigosos e condenados à morte, que estavam sendo transferidos para outro presídio, conseguem escapar e acabam no cárcere feminino, onde tomam as garotas como reféns. Entre estupros e torturas, eles tentam negociar sua fuga enquanto um esquadrão da SWAT se mobiliza para acabar com a rebelião.
Segundo WIP dirigido por Bruno Mattei com Laura Gemser no papel de Emanuelle, reutilizando elenco e locações do anterior, "Escravas da Corrupção".

Aproveitando o filão WIP (sigla que designa o subgênero "Women in Prison", ou Mulheres na Cadeia), a jornalista Emanuelle resolve investigar denúncias de maus tratos e tráfico de escravas brancas num presídio feminino no Novo México. Para isso, ela provoca a própria prisão sem que ninguém saiba sua real identidade. Com isso, ela passará pela tradicional sessão de violência, estupros, tortura e humilhação.

Em viagem pela África a intrépida repórter e fotográfa Emanuelle se depara com uma operação de escravidão branca. Mais um filme oficial da série que se passa na África. A direção fica a cargo de D'Amato, que juntamente com Mattei são os realizadores que mais fizeram filmes da série.

A jornalista Emanuelle entra numa instituição para doentes mentais com o intuito de realizar uma reportagem com as internas e descobre que entre elas há uma garota de uma tribo indígena brasileira composta por canibais. Com sua veia jornalística, ela fará uma expedição até a Amazônia a procura da misteriosa e sangrenta tribo.

Laura Gemser introduz ela mesma (  "- é a sua velha amiga Emanuelle novamente") para apresentar o mundo sexy dos filmes.  Este na verdade é um documentário sobre filmes contendo cenas de sexo pelo mundo, dirigido por Bruno Mattei, que já havia dirigido Gemser em filmes da Emanuelle. O filme percorre países e formas que o sexo é feito, como uma mulher que insere bolinhas de ping pong na vagina e expele, em um palco de stripper.

A repórter Emanuelle investiga uma rede de prostituição de luxo e acaba envolvida em diversas aventuras sexuais, viajando de Nova York para Veneza, na Itália, onde participa de uma grande orgia na mansão de um nobre. De volta aos Estados Unidos, acaba envolvendo-se com uma quadrilha que produz snuff movies - filmes em que mulheres são estupradas e mortas de verdade diante das câmeras.

A Jornalista Emanuelle viaja para o Oriente para entrevistar um parente próximo de um rei, e chega bem próximo de desvendar os segredos obscuros dos oficiais do estado.

Mae Jordan (Laura Gemser) é uma fotógrafa internacionalmente aclamada conhecida como Emanuelle. Ela voa para a África para um tour fotográfico e fica na casa de Ann e Gianni Danieli. É o primeiro filme das aventuras da "Black Emanuelle".


Mais uma sequência de filmes feita nos anos 2000 que pega carona no sucesso da personagem, que é uma das mais conhecidas do cinema erótico.
O filme tem como protagonista a atriz Holly Sampson, que fazia muitos filmes eróticos além de filmes x-rated também.

Filme erótico soft-core da série Emmanuelle 2000. A história acompanha Emmanuelle que ajuda um agente internacional a capturar um prisioneiro em fuga.

Emmanuelle novamente ajuda sua amiga Zoe, que quer fazer sexo com outro homem.  Elas organizam uma festa de solteiras afim de por o plano em ação.

Emmanuelle desta vez se aventura em viagens de sedução, como para Marrocos e Japão, se envolvendo torridamente em cada parada.

Desta vez, Emmanuelle acha que esta sendo vigiada por um estranho, que desaparece misteriosamente da mesma forma que surgiu. Emmanuelle resolve mudar de cidade, mas os problemas a perseguem.

Emmanuelle se envolve numa história de paixão e perversão envolvendo um casal, cujas as vidas mudam depois de um acidente que deixa a esposa paraplégica.

Emmanuelle viaja para New York com objetivo de testar a invenção do Dr. Hansen, que controla pensamentos e emoções.  É o último filme do ano 2000 da série.

Emmanuelle embarca em mais uma aventura sexual.  Um jovem usa controle de mente para seus objetivos sexuais. Mas Emmanuelle mostra a ele que é capaz de mais coisas que ele pensa.


Emmanuelle Through Time é mais uma série de filmes baseados na personagem clássica, porém com um diferencial marcante. Os filmes tem em comum o fato de que Emmanuelle e sua equipe viajam pelo tempo em busca de aventuras sexuais. Allie Haze faz o papel título.



A viajante do tempo Emmanuelle e sua equipe viaja para um mundo de luxúria entre vampiros para satisfazer suas vontades sexuais. Eles vão á Romenia, onde consegue dar asas ao erotismo entre vampiros.


Emmanuelle e seu grupo enfrentam espíritos sedentos por sexo !!! Nesta aventura incontrolável, os espíritos as levam para um fascinante mundo sexual.


Emmanuelle vai negociar com alienígenas que querem dominar a Terra. Os aliens querem seduzir as pessoas e levá-las à destruição, mas não contavam ser seduzidos pela bela Emmanuelle.


Emmanuelle chega em Las Vegas, onde ela é recrutada para uma experiência de viagem no tempo que envia-la para um tempo e lugar onde todos os seus desejos serão concretizados.


Mais uma sequência das viajante do tempo Emannuelle . Desta vez ela termina em um universo paralelo onde conhece o agente 0014, Rod Steele. O filme funciona como uma espécie de crossover com James Bond.


Acompanhe a jornada da nave  Emmanuel através do tempo e espaço. Desta vez, Emmanuelle visita a erótica senhora Willa Wanker e sua fábrica de brinquedos adultos. Lá, ela se envolve naquele mundo de prazeres sexuais que se tornam difícieis de resistir.


A jovem Emmanuelle viaja através do tempo e vai parar no País das maravilhas. Mas não é exatamente aquela dos livros. Ela encontra diversos personagens e vive experiências eróticas com eles.
Também chamado de - Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Sex Tales


Há filmes que estrelam Laura Gemser como uma personagem diferente de Mae Jordan / Laura Kendall / 'Emanuelle', mas que, em um momento ou outro, foram promovidos como filmes Emanuelle, especialmente nas versões estrangeiras. Estes filmes incluídos, mesmo um filme anterior que contou com Gemser, Amore libero (1974), que viu uma versão com o título em inglês "The Real Emanuelle". O nome da personagem de Gemser foi frequentemente alterado para Emanuelle nas dublagens em inglês de tais filmes.

Século 19, sul dos Estados Unidos, antes da guerra civil. A bela Emanuelle, filha do dono de uma plantação, perversamente seduz e abusa dos escravos. Quando seu noivo é picado por uma cobra, quem salva sua vida é uma criada negra, bondosa e habilidosa. Seu noivo então se apaixona pela criada e anuncia que planeja se casar com ela. Movida por um ciúme doentio, Emmanuelle continua com seu comportamento sádico e devasso.
Este é um dos poucos filmes sem Laura Gemser no elenco, e curiosamente tem o título similar ao filme do mesmo ano, dirigido por Brunello Rondi. Quem estrela este é Malisa Longo.

A história gira em torno de uma família de mulheres que vivem no Egito. A mãe (Nieves Navarro) é uma mulher madura e amargurada que compensa sua solidão nos braços de seu fiel e mudo servo quando não está na cama com o "guru espiritual", muito mais novo (Al "Zombie" Cliver). A filha mais velha é ninfomaníaca e vive provocando os homens sem nunca atingir o orgasmo. A filha mais nova "Laure" (Annie Belle) também aparece na casa, aparentemente retornando da escola ou algo assim. Finalmente, chegam os amigos da família, desempenhado pelo casal na vida real Laura Gemser e Gabriele Tinti. Laura (Gemser) é uma modelo fotográfica cujo namorado, um fotógrafo enlouquecido (Tinti), insiste em fotografá-la nua ao lado de cadáveres de animais apodrecendo ou de um grupo de nativos recentemente mortos.

A Irmã Emanuelle é encarregada de cuidar de Monica, uma jovem rebelde recém-chegada a um convento. Mas logo descobre que a garota é uma ninfomaníaca que se relaciona com homens, mulheres e até com a própria madrasta, e coloca o convento inteiro em perigo ao dar abrigo a um perigoso bandido procurado pela polícia.

Emanuelle (Laura) apresenta este documentário que investiga o bizarro e perverso mundo de encontros sexuais, fantasias e rituais ao redor do mundo. Mattei dirige por pseudônimo e D'Amato nem foi creditado, além do fato de que este é continuação do documentário realizado um ano antes.


Uma continuação já aproveita do sucesso original. Mas imagina se o filme Instinto selvagem (aquele com a Sharon Stone) passasse no cinema, fosse recolhido, e mudasse o nome para "Emmanuelle selvagem"?
Então...
Seguem abaixo picaretagens assim...

Um jovem engenheiro que trabalha em uma grande empresa de mineração é alocado para  Seychelles, com a finalidade de localizar e colocar em operação a busca por prata e riquezas que existem na Ilha Emeralda. Lá ele encontra um francês, Shavad, que dá sua amizade e cooperação, bem como uma bela nativa, Janine, que desde o primeiro momento oferece seu amor.
Laura Gemser faz Janine em mais um filme que aproveita o sucesso da série

Daniel é lavado para uma ilha tropical paradisíaca  após um naufrágio e descobre lá a bela Haydee. No entanto, o pai eo irmão de Haydee não são tão dispostos a aceitar seu romance. Mais um filme picareta da série, com nome alterado para ter relação com a série por ter a atriz como protagonista.

Mais uma vez, Laura Gemser faz um papel título que nada tem a ver com Emanuelle. A história conta a trajetória de Judas, um playboy que vive em Hong Kong e é obcecado com cobras. Seu aparentemente é cheio delas e ele as trata como filhas (inclusive é enérgico).  Um dia seu irmão o leva para uma boate onde uma stripper dança com uma cobra, e ele se identifica imediatamente.

Quando Selenia Anselmi (Gemser) chega a uma pequena vila italiana, um alvoroço se forma por causa de sua beleza. Todos os homens na cidade ficam encantados com ela. Um deles é o noivo da filha do prefeito.

Uma mulher se esforça para manter sua enteada longe das garras de um assassino que ela contratou para matar seu marido e que acaba se virando contra ela e a chantageia pelo crime cometido.

Laura Gemser faz a "Divina" do título, obviamente sem Emanuelle. A história  é sobre a filha de um Senador que entra para um culto hippie de "amor livre" chamado "Crianças da Luz" através do namorado da líder do culto, uma misteriosa e bela mulher asiática.

Mais uma produção picareta que pega carona do sucesso da série Emanuelle. A atriz Laura Gemser trabalha neste aqui também, o que facilitou a troca oportunista de título.
Aqui ela faz Sheila, que está em um deserto onde guerrilhas rivais se confrontam, mas logo ela vira o foco da guerra.

Fotógrafa e jornalista, Emmanuelle explora a prostituição e tráfico de drogas. Mais um filme que nada tem a ver com série.


Um grande número de filmes, especialmente do gênero sexploitation e, por vezes, de forma retroativa, incluído o nome de "Emmanuelle" ou suas variantes em seus títulos (pelo menos em alguns de seus lançamentos) por razões de exploração, embora nenhum deles havia sido legalmente ou artisticamente relacionado à série original ou seu personagem-título.


Tais filmes incluem:

Uma jovem mulher dorme com um grande número de pessoas enquanto segue numa jornada de auto destruição. Filme com o famoso  Adolfo Celi, que fez o vilão Largo em 007.

Não há nada que se meta no caminho de quatro adoráveis jovens que estão envolvidadas em bondage e as mais variadas posições sexuais.

Emanuelle, uma pianista infeliz no casamento, é encontrada morta. Pelo estado do seu cadáver, é impossível afirmar se foi assassinada ou se cometeu suicídio. Sua irmã e seu psiquiatra unirão forças para investigar o mistério.

Emanuelle  está em um período de crise sentimental porque o marido a deixou há muito tempo e fugiu com a secretária.  Emanuelle se torna uma amiga de Sandra, uma pintora que já é amiga íntima de Vera e atualmente divorciada do seu marido. As três mulheres acabam de  tornando amantes.

A artista plástica Emanuelle descobre que sua jovem irmã Françoise cometeu suicídio por não suportar os abusos sofridos pelo namorado, o cafajeste Carlo. Em busca de vingança, ela seduz e aprisiona Carlo em sua mansão, dando início a jogos sexuais que revelarão o lado mais sombrio e violento de ambos.

Francis Baumel, chefe de um jornal, continua traumatizado pelo suicídio de sua mãe. Com muitos traumas e problemas, ele é alvo de diversas perseguições. Seus familiares estão interessados em sua fortuna.

A história é sobre Kyoko, uma jovem japonesa casada com um homem na França. Quando ele a abandona, ela volta ao Japão. Com seu apetite sexual alto, ela se envolve em aventuras sexuais com uma grande variedade de pessoas, incluindo velhos amigos, tanto masculinos quanto femininos.
Devido ao sucesso do filme, houve uma continuação, no mesmo ano, com mesmo elenco, quase o mesmo nome (Tokyo Emmanuelle fujin: kojin kyoju ) porém com outro diretor: Katsuhiko Fujii. Mas pela curta duração (1 hora e dez cada), eles sugerem um filme dividido em duas partes.

O jovem Sigimond Pons (Joe Dallesandro) trocou mulher e filho , de 5 anos , por uma viagem dionísica pelos cabarés parisienses , cheios de bebidas e mulheres baratas . Foi neste ambiente de sensualidade exacerbada que Pons conhece Diana (Sylvia Kristel) , a mais independente e linda prostituta do bordel .
Chamado de Emmanuelle 77 porque foi lançado um ano depois e com a atriz do original.

Em um instituto em Manila, pesquisadores procuram histórias sobre uma tribo, que vivia numa remota ilha. Laure é a filha do diretor do instituto. Uma moça bastante resolvida com seus limites sexuais: ela não tem nenhum.
A primeira escolha para o papel principal foi Linda Lovelace , mas devido a seus problemas pessoais na época, não pode aceitar.

A jovem e rica ninfeta Sibylle Ashby  (Ann Zacharias), de apenas 16 anos se torna uma escritora de sucesso após Axel Thorpe publicar seus contos erótico, ao mesmo tempo que ela tenta conquistá-lo.

Annie, acompanha um agente financeiro de meia idade numa viagem para Hong Kong. Quando seus negócios dão totalmente errado, ele é obrigado a dispensar Annie.  Ela se torna amiga de um grupo de socialites que apresentam ela ao mundo.

Depois de uma noite selvagem na cidade, uma bela aeromoça britânica é atacada por marginais e acorda num hospital, sendo cuidada por um belo doutor, Emy Wong. Ele se apaixona por ela.

Uma bela jovem se envolve numa relação extra conjugal e coloca seu casamento à perder.
Não pode ser confundido com Yellow Emmanuele, que inclusive, foi lançado no mesmo ano.

Um fugitivo se abriga numa casa noturna, onde encontra enormes prazeres. Foi filmado em 3D CinemaScope, com um enredo que lembra um pouco Casablanca (1942). O filme ainda tem uma ponta do mitológico John Holmes .

Um homem e uma mulher (Whitman & Gemser), ambos com passado criminoso, caem na estrada juntos. Durante a viagem, eles conversam sobre suas relações anteriores, o que os levou a estarem naquela situação. Aos poucos , os dois se aproximam...

Um escocês chamado McFitz visita um lugar acolhedor em Koenigssee porque ele está procurando uma área para cultivar uma"erva" . Mais tarde, ele descobre que esta erva é uma é muito procurada. Quando ele revela seu segredo ao prefeito da aldeia, no entanto,  os homens e as mulheres da aldeia estão dispostos a tudo para conseguir um pouco dela.

Casada com o arquiteto Franco e vivendo com todo o conforto, Emmanuelle tem um pacto com o marido. Trabalha fora e tem toda a liberdade de amar, da mesma maneira que Franco. Ao mesmo tempo que ela consola Mary Clair, abandonada pela amante Lúcia, ela aceita as investidas de Lívio, industrial amigo de seu marido. Por sua vez, as conquistas de Franco são estimuladas por Emmanuelle.

Emanuelle é uma mulher  francêsa que viaja para um país do Extremo Oriente a negócios. Lá vive um affair com duas pessoas: a primeira com um piloto de helicóptero e a segunda  com um empresário oriental, a partir do qual deseja obter alguns favores.

Uma mulher casada deixa o marido para começar uma relação lésbica com uma amiga. Logo uma terceira senhora junta-se ao relacionamento, que também abandonou o marido para ter uma relação.

Emmannuelle é a fascinante e deliciosa esposa adolescente de um político do Tribunal de St. James. Seus encantos inegáveis atraem todas as pessoas do sexo oposto, independentemente da sua nacionalidade ou status social.

A infeliz esposa procura desesperadamente se libertar do casamento onde sofre violências sexuais constantes pelo seu marido. Ela tenta buscar conforto com um jovem rapaz, tendo um caso com ele, mas também é abusada por ele. É quando ela se junta com sua irmã e vão para um bordel.

Este é daqueles filmes que vieram para confundir, adotando o mesmo título (sem as letras repetidas !!) da série famosa. Aqui no Brasil, o terceiro filme da Sylvia veio como "Adeus Emmanuelle" de 1977, apenas 3 anos antes deste. Na verdade, a picaretagem é tanta, que nem tem Emmanuelle no filme, e a atriz assina como Silvia Castell !!! Precisa continuar??
Ahh...e tem sexo explícito.

Uma bela e jovem stripper se torna uma famosa estrela de cinema. Mais um filme que pega carona vergonhosamente na série de filmes famosa.

Emmanuelle vive em Londres onde tudo de mais erótico esta disponível para quem buscar. E sua amiga Kate se torna stripper  de um show para ajudar seu marido a pagar as contas.

Numa festa, Emmanuelle bebe demais e acaba fazendo um striptease para seus amigos. Mais tarde, já sóbria, ela tenta se desculpar com seu marido, mas ele se recusa. Emmanuelle resolve se entregar a diversas orgias com homens e mulheres, na tentativa de esquecer o amado.

Dama rica e infeliz no casamento, Lady Emanuelle se cansou do seu preguiçoso, nojento e barbudo Michael e outros homens a tratando como um pedaço de carne. Então, Emanuelle larga o marido e cai de cabeça numa relação com a novelista Leona.

A fotógrafa de moda Emmanuelle (Ludmilla Ferraz) chega nas praias do Brasil para uma sessão onde ela estará trabalhando com alguns dos melhores supermodelos do Rio de Janeiro. Enquanto no trabalho, Emmanuelle chama a atenção de um diretor de vídeo de música, e em pouco tempo, os dois embarcam em um romance fumegante.

Yan e Emily estão casados a dois anos . Como Emily é católica e considera o sexo um pecado a vida sexual do casal é bem escassa . Frequentemente ela repele o marido e isso traz problemas até para o seu trabalho como psiquiatra . Para salvar o casamento Yan prepara um plano para sequestrar sua esposa e mante-la trancada em uma mansão , onde uma organização misteriosa faria um adestramento sexual por três meses. Desta forma Emily aprenderia a gostar de sexo . No entanto os resultados foram inesperados para os dois .





Tecnologia do Blogger.