• ÚLTIMAS...

    10 FILMES STOP MOTION QUE PRECISAM CONHECER


    Stop Motion é uma técnica que utiliza a disposição sequencial de fotografias diferentes de um mesmo objeto inanimado para simular o seu movimento. Estas fotografias são chamadas de quadros e normalmente são tiradas de um mesmo ponto, com o objeto sofrendo uma leve mudança de lugar, afinal é isso que dá a ideia de movimento. Cientificamente falando, o Stop Motion só é compreendido como movimentação pelo fenômeno da Persistência Retiniana. Ele provoca a ilusão no cérebro humano de que algo se move continuamente quando existem mais de 12 quadros por segundo. Na verdade, o movimento desta técnica cinematográfica nada mais é que uma ilusão de ótica.

    A história do Stop Motion iniciou com o cinema. Mais precisamente com o mágico e ilusionista francês George Mélies viu nesta arte uma ótima possibilidade para dar sequência aos seus truques misteriosos que encantavam a todos. A partir da técnica do Stop Motion ele alcançou o ápice de sua carreira cinematográfica com o filme Viagem à Lua, de 1902. No curta, a chegada na Lua de um foguete com tripulação humana é criada a partir desta técnica.

    Ao longo do século XX a técnica foi sendo desenvolvida e aprimorada por diversos diretores de cinema e durante muito tempo foi a base para efeitos especiais em filmes com robôs e monstros, pois como ainda não existia toda esta tecnologia capaz de criar qualquer coisa a partir de um computador, os cineastas recorriam à movimentação quadro a quadro.

    Confiram 10 ótimos exemplos de animações em stop motion:

    O Doutor Frankenstein decide se aposentar, mas antes precisa escolher um sucessor de confiança para revelar seus segredos mais obscuros. Sendo assim, ele convoca uma reunião de monstros para decidir seu sucessor. Contando com a presença do Conde Drácula, Corcunda de Notre Dame, Doutor Jack e Mr. Hyde, o Lobisomem e muitos outros monstros clássicos, e seu sobrinho Ned, a reunião dos monstros vai revelar ser muito mais do que a aposentadoria de Frankenstein. 
    A fantasia de cigano usada pelo Lobisomem é uma referência ao lobisomem cigano, interpretado por Bela Lugosi, que mordeu Larry Talbot (Lon Chaney Jr.), em The Wolf Man. O diálogo final do filme é uma paródia da última cena do filme Quanto Mais Quente Melhor.

    Neco z Alenky, também conhecido como Alice, é um filme Checo surrealista de 1988 realizado por Jan Svankmajer, que combina ação real com animação stop motion. Reconta as histórias clássicas de Lewis Carroll (Alice no País das Maravilhas e Alice do outro lado do espelho), mas em um estilo diferente. Enquanto as histórias originais são mais fantásticas, excêntricas e alegres, Alice é um retrato mais sombrio e triste da saga "Wonderland". A personagem principal é interpretada por Kristýna Kohoutová.
    Sem nenhuma música em sua trilha sonora, tudo que se ouve durante a projeção são efeitos sonoros povoados por rangidos e sussurros que nos situam na atmosfera sombria da película. Também não se encontra nenhuma voz além da de Alice: todos os demais personagens tem suas falas narradas pela criança, o que dá um ar ainda mais misterioso a eles. Com uma ambientação lúgubre, cheia de objetos que movem-se sozinhos, vidros se espatifando e quinquilharias por todos os lados, Alice é uma tradução literal do lado macabro do conto, muito embora alguns personagens essenciais tenham sido deixados de fora (vide o Gato de Cheshire). Seja como for, é certeza de agradar qualquer um que aprecie a história ou simplesmente goste de um filme sombrio ou simbólico.

    Jack Skellington (Chris Sarandon) é um ser fantástico que vive na Cidade do Halloween, um local cercado por criaturas fantásticas. Lá todos passam o ano organizando o Halloween do ano seguinte mas, após mais um Halloween, Jack se mostra cansado de fazer aquilo todos os anos. Assim ele deixa os limites da Cidade do Halloween e vagueia pela floresta. Por acaso acha alguns portais, sendo que cada um leva até um tipo festividade. Jack acaba atravessando o portal do Natal, onde vê demonstrações do espírito natalino. 
    Ao retornar para a Cidade do Halloween, sem ter compreendido o que viu, ele começa a convencer os cidadãos a sequestrarem o Papai Noel (Edward Ivory) e fazerem seu próprio Natal. Apesar de argumentos fortes de sua leal namorada Sally (Catherine O'Hara) contra o projeto, o Papai Noel é capturado. Mas os fatos mostrarão que Sally estava totalmente certa.
    Burton foi obrigado a passar a direção do filme para Henry Selick devido ao compromisso assumido na direção de Batman - O Retorno (1992).

    A Sra. Tweedy (Miranda Richardson/Nádia Carvalho) é a dona de um galinheiro no interior da Inglaterra, onde a maior parte das aves vive uma vida curta e monótona, limitada a produzir ovos e terminar na panela. Mas quando Rocky (Mel Gibson/ Dário de Castro), um galo vindo dos Estados Unidos surge voando por cima da cerca da Granja, as coisas começam a mudar. Rocky se apaixona por Ginger (Julia Sawalha/Miriam Ficher), que sonha com uma vida melhor e já há algum tempo deseja fugir da granja. Juntos os dois arquitetam um plano para conseguir liberdade. No entanto, Rocky e Ginger logo se vêem correndo contra o tempo quando a Sra. Tweedy decide que é hora de mandar a granja inteira para a o forno.

    Em um vilarejo europeu do século XIX vive Victor Van Dorst (Johnny Depp), um jovem que está prestes a se casar com Victoria Everglot (Emily Watson). Porém acidentalmente Victor se casa com a Noiva-Cadáver (Helena Bonham Carter), que o leva para conhecer a Terra dos Mortos. Desejando desfazer o ocorrido para poder enfim se casar com Victoria, aos poucos Victor percebe que a Terra dos Mortos é bem mais animada do que o meio vitoriano em que nasceu e cresceu.
    Trata-se da 1ª animação em stop-motion a utilizar o programa Apple's Final Cut em sua edição. Este é o quinto de diversos filmes em que o diretor Tim Burton e o ator Johnny Depp trabalham juntos. Além de ser o quarto  em que o diretor trabalhou com sua esposa, a atriz Helena Bonham Carter.

    O Sr. Raposo (George Clooney), a Sra. Raposa (Meryl Streep) e seu filho vão morar em uma árvore, localizada em uma colina. Lá eles têm como vizinhos o Coelho (Mario Batali), o Texugo (Bill Murray) e a Doninha (Wes Anderson), entre outros animais, todos com suas respectivas famílias. O Sr. Raposo prometeu à esposa que deixaria a vida de roubos de galinhas, já que ela estava grávida. Desde então ele iniciou uma respeitável carreira de colunista de jornal. Porém, a proximidade do novo lar com as fazendas de Boggis (Brian Cox), Bunce (Hugo Guinness) e Bean (Michael Gambon) faz com que volte à velha vida, às escondidas. Só que logo o trio de fazendeiros se une para capturá-lo.
    É o 1º filme de animação em stop motion produzido pela 20th Century Fox. Henry Selick, diretor de James e o Pêssego Gigante (1996) e que trabalhou com Wes Anderson em A Vida Marinha com Steve Zissou (2006), seria o diretor de O Fabuloso Sr. Raposo. Entretanto Selick deixou o projeto para realizar Coraline e o Mundo Secreto (2009).

    Mary Daisy Dinkle (Toni Collette) é uma menina solitária de oito anos, que vive em Melbourne, na Austrália. Max Jerry Horovitz (Philip Seymour Hoffman) tem 44 anos e vive em Nova York. Obeso e também solitário, ele tem Síndrome de Asperger. Mesmo com tamanha distância e a diferença de idade existente entre eles, Mary e Max desenvolvem uma forte amizade, que transcorre de acordo com os altos e baixos da vida.
    Os selos usados por Mary para postar cartas têm a imagem da Dama Edna Everage, personagem interpretado pelo comediante Barry Humphries, narrador do filme. Todas as cenas aquáticas foram criadas usando lubrificante.

    Entediada em sua nova casa, Caroline Jones (Dakota Fanning) um dia encontra uma porta secreta. Através dela tem acesso a uma outra versão de sua própria vida, a qual aparentemente é bem parecida com a que leva. A diferença é que neste outro lado tudo parece ser melhor, inclusive as pessoas com quem convive. Caroline se empolga com a descoberta, mas logo descobre que há algo de errado quando seus pais alternativos tentam aprisioná-la neste novo mundo.
    É a 1ª animação em stop-motion a ser feita originalmente para o formato 3D. Coraline também é, até seu lançamento, o mais longo filme de animação em stop-motion já feito.

    Norman Babcock (Kodi Smit-McPhee) é um garoto que consegue ver e falar com os mortos. Entretanto, o único que acredita em suas habilidades é Neil, um amigo excêntrico. Um dia, o tio de Norman conta sobre um importante ritual anual realizado na cidade, com o objetivo de protegê-la de uma maldição jogada por uma bruxa séculos atrás. Norman resolve ajudar no ritual, mas as coisas não saem como planejado e uma nuvem mágica faz com que os mortos se levantem das tumbas da cidade.
    ParaNorman foi feito seguindo a técnica do stop-motion, onde os bonecos são fotografados em sequência, com cada um deles tendo pequenas diferenças em relação ao outro para que o espectador tenha a sensação de movimento.


    Michael Stone (voz de David Thewis) é um palestrante motivacional que acaba de chegar à cidade de Connecticut. Ele segue do aeroporto direto para o hotel, onde entra em contato com um antigo caso para que possam se reencontrar. A iniciativa não dá certo, mas Michael logo se insinua para duas jovens que foram ao local justamente para ver a palestra que ele dará no dia seguinte. É quando ele conhece Lisa (voz de Jennifer Jason Leigh), por quem se apaixona.

    Primeiro longa de animação stop-action de Charlie Kaufman. Um dos primeiros projetos envolvendo nomes famosos ao adotar o crowdfunding, forma de financiamento em que qualquer pessoa pode investir na produção em troca de contrapartidas. Os produtores pediram US$ 200 mil e faturaram o dobro em doações.


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top