• ÚLTIMAS...

    O QUE É PALETA DE CORES?


    O que é...

    Junto com a fotografia, os cineastas têm o poder de manipular as emoções através das cores e as cores influenciam na maneira como iremos sentir cada uma das emoções transmitidos na tela. A paleta de cores é uma combinação intencional de cores para se atingir um resultado específico. Paletas podem ser monocromáticas, análogas, complementares ou customizadas e são elas que dão vida a um layout. 

    Elas podem ser definidas como são conjuntos de tons pré-selecionados que podem ser utilizados em harmonia para convergir uma ideia específica, determinados sentimentos ou remeter a uma identidade visual.   Uma paleta de cores decide o clima que você quer que uma identidade visual, embalagem, cartaz, site ou filme transmita e deve ser obedecida ao longo de um projeto, para manutenção do seu caráter identitário. Elas estão descritas em manuais de marca e são algumas das primeiras coisas com que um designer aprende a lidar na faculdade, para executar bem o seu trabalho.

    Como criar paletas de cores?

    Escolher a paleta de cores certa é um conhecimento que vai muito além de saber o que é uma paleta de cores. Porque elas são partes tão fundamentais de um design (e tão complexas), as paletas de cores podem fazer ou destruir um layout em poucos segundos. Entretanto, iniciantes podem aprender como combinar cores com mais harmonia conhecendo alguns conceitos por trás do que chamamos de Teoria das Cores. A Teoria das Cores é algo que não é completamente desconhecido para ninguém, afinal, lá na pré-escola todos aprendemos que existem três cores primárias: o azul, o amarelo e o vermelho. Elas podem ser facilmente identificadas por não serem criadas pela combinação de nenhum outro tom. Em contrapartida, você pode criar quase qualquer outra cor do arco-íris usando apenas essas três tonalidades + preto e branco. 


    Cores secundárias, por sua vez, são aquelas que são formadas da combinação das três cores primárias. O laranja, por exemplo, é uma delas e o roxo também. Há ainda as cores terciárias, que são obtidas da combinação de cores secundárias, mas elas não são exatamente relevantes para quem está começando na Teoria das Cores.  Para criar uma paleta de cores harmônica tudo que você precisa é de um bom olho para o detalhe e um pouco de sensibilidade. 

    Cores são como tipografias e algumas delas funcionam bem juntas enquanto outras nem tanto. Parece que designers sabem intuitivamente quais delas combinam, mas não é verdade. Há ciência por trás disso. O primeiro passo é visualizar a roda das cores ou círculo cromático, um gráfico que mostra como diferentes nuances, tons, matizes e sombras se relacionam uns com os outros.
    Como fazer?

    Ao fazer uma paleta de cores baseado na roda das cores você tem alguns caminhos a seguir. Pode optar por torná-la monocromática, ou seja, trabalhar com apenas uma nuance e suas variações. Em outros casos, uma paleta complementar pode funcionar muito bem. Cores que são opostas na roda das cores são consideradas complementares e a combinação de ambas ajudará a criar um contraste bacana. 

    Ainda segundo a roda das cores, é possível criar paletas de cores análogas. Cores análogas são aquelas que estão próximas umas das outras e cujos tons combinam confortavelmente, sem muita perturbação. O ideal aqui é escolher uma cor dominante e uma segunda como suporte, optando por uma terceira para acentuar partes importantes.

    Quem faz nos filmes...

    Direção de arte

    Em poucas palavras, o diretor de arte (ou production designer) é o responsável por criar o conceito visual do filme e orientar sua equipe para a execução dessas ideias. É como se ele ajudasse a dar tridimensionalidade ao roteiro, por meio de cenários, objetos e figurinos, criando a realidade na qual os personagens irão habitar. É esse profissional quem desenvolve (conceitualmente e na prática) tudo o que depois será captado pela câmera.


    Essa é uma função que acontece na pré-produção de um filme (momento de planejamento antes das gravações) e termina na captação. Um diretor de arte, junto ao diretor, define uma identidade visual do filme no que diz respeito a escolha de locações, cenários, objetos de cena, figurino, maquiagem. Ele é responsável pelos elementos que vão nos ajudar a imergir no universo onde a história se passa. Com essa escolha na arte, é possível criar "atmosferas"(clima de uma cena específica, por exemplo) e "metáforas visuais" para reforçar o que estamos contando. 

    O trabalho abrange pesquisas e definições sobre clima/atmosfera, planejamento conceitual, escolha de paleta de cores, além do acompanhamento da construção de cenários, produção de objetos, figurino e maquiagem. Esse profissional também está presente na filmagem e na “desprodução” do set.

    Geralmente, quem se interessa pela área são as pessoas mais artísticas, observadoras, com a criatividade aflorada e alguma facilidade para lidar com desenhos, modelagem e perspectiva. É uma carreira para quem gosta de colocar a “mão na massa” e se adapta facilmente a novas circunstâncias, por isso o espírito de aventura também é indispensável.

    É através desse trabalho que vamos entender muito da personalidade deles sem sequer ouvir uma frase do diálogo. Se vemos a casa de um personagem antes de conhecê-lo, podemos tirar muitas conclusões. Ao mesmo tempo, se ele não pertence ao lugar onde se encontra, é bem provável que as cores e texturas do ambiente se destoarão do personagem. São muitas dessas sutilezas que tornam capaz nosso envolvimento em um filme.

    É nesse momento de planejamento que se cria, junto ao diretor de fotografia, uma paleta de cores a ser seguida ao longo de toda a realização do filme. Cada obra tem um tema, um tom emocional específico, que faz com que cada filme precise de uma paleta de cor distinta, com uma gama precisa de cores e tonalidades que tem uma função narrativa.


    Direção de fotografia

    O diretor de fotografia cuida para que tudo que foi produzido pela direção de arte apareça nas telas como o diretor imaginou. É ele o responsável pelas câmeras, lentes, enquadramentos, movimentos de câmera, iluminação, etc. Basicamente tudo que for filmado será responsabilidade do diretor de fotografia. É ele quem vai conduzir o olhar do espectador pelo espaço, personagens, objetos, e tudo que a direção de arte estruturou para que o filme acontecesse.

    As funções da fotografia no cinema são muito semelhantes às do departamento de arte. A diferença é que as construções de metáforas visuais, atmosferas, caracterização do personagem, relacionamentos com o espaço, alterações dos momentos do filme serão explorados de outra forma, na fotografia. Além dos enquadramentos e movimentos de câmera, a iluminação tem importância indispensável na expressão visual do filme. Conseguimos deixar a cena mais dramática ou mais terna só pelo jeito que a iluminamos.

    Criar padrões de paletas de cores para dotar de estética os filmes é importante, porém, é fundamental o uso da cor como uma intrínseca e poderosa ferramenta contadora de histórias. Como dito, as cores podem manipular nossas sensações e transmitir alguma emoção. No cinema essa ferramenta é usada não só para criar estados de ânimo e uma atmosfera, mas também para despertar emoções especificas em seus espectadores; que se torna elemento fundamental para as narrativas dos filmes. Estas combinações querem se comunicar conosco.  

    Por mais que muitas vezes nós simplesmente nos esquecemos de analisar essas informações, é como se nosso inconsciente fizesse esse trabalho sozinho. Seja para ditar o tom de uma situação ou para indicar conexões entre personagens, a paleta de cores é um elemento fundamental que afeta o nosso psicológico. E é claro que isso não se aplica somente no cinema. Embalagens de produtos, comerciais de televisão, placas, banners: as cores são escolhidas para atrair a nossa atenção e fazer parte da mensagem. 

    Vejam abaixo inúmeros exemplos de paleta de cores:






































































































    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top