• ÚLTIMAS...

    MORRE FRANK VINCENT E HARRY DEAN STANTON


    Faleceram esta semana dois atores que marcaram meu cinema. Harry Dean Stanton, que me marcou profundamente em Paris, Texas e Frank Vincent, que atuou em filmes do Martin Scorsese e na Família Soprano, que são produções que amo.

    Vincent nasceu a 4 de abril de 1939 em North Adams, Massachusetts , mas cresceu na cidade de New Jersey. Vincent teve dois irmãos: Nick e Jimmy. Seu pai, chamado também Frank Vincent Gattuso, era um operário de ferro. Foi pai de seis filhos.


    Entre seus papéis mais notáveis, interpretou Phil Leotardo na série da HBO, The Sopranos, além de Salvatore de Touro Indomável, filme de Martin Scorsese. Também teve participação em Cassino, como um mafioso companheiro de Tommy, vivido por Joe Pesci, e também em Os Bons Companheiros, onde interpreta o membro da família Gambino Billy Batts.

    Frank Vincent sofreu um ataque cardíaco durante uma cirurgia em 13 de setembro de 2017, não resistiu e veio a falecer durante a operação.


    Já Stanton, que atuou em quase 200 filmes, nasceu em 14 de julho de 1926. Ele trabalha desde meados da década de 50.

    Até 1971 era creditado nos filmes e na televisão apenas como Dean Stanton, para evitar ser confundido com o ator Harry Stanton, com quem atuou em 1969 em episódio do seriado Petticoat Junction.


    O ator esteve em vários dos filmes da minha vida: No cair da noite (67), Rebeldia indomável (67), Poderoso chefão 2 (1974), Alien (1979), Paris Texas (1984), A espera de um milagre (99).
    Entre seus últimos trabalhos, esta a volta do mundo de David Lynch em Twin Peaks, que passou recentemente na TV.

    Lynch escreveu: The great Harry Dean Stanton has left us,” Lynch wrote. “There went a great one. There’s nobody like Harry Dean. Everyone loved him. And with good reason. He was a great actor (actually beyond great) – and a great human being – so great to be around him!!! You are really going to be missed Harry Dean!!! Loads of love to you wherever you are now!!!”

    Stanton faleceu aos 91 anos, de causas naturais, dia 15/09/17.

    Dois grandes caras, que se em vida nos deixaram, no meu cinema, serão eternos. E acredito que no cinema de muitos também.


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top