• ÚLTIMAS...

    MORRE GEORGE A. ROMERO


    A Morte é devastadora e inevitável. Quando um jovem morre, pensamos "- nossa, como ele partiu cedo". Já um idoso, falamos "- uma pena, mas tava de idade já..." . Frases quase inevitáveis para nortear nossa mente sobre a notícia dada.

    No caso de hoje, me refiro à segunda opção. Ao ler sobre um rapaz de 77 anos que faleceu, pensei logo: - "puxa que pena, mas ele estava com 77 já...". Quase um pensamento idiota, afinal, não poderia ir até os 87 ou 97 ? O que impediria?


    De qualquer forma, partiu o pai do cinema zumbi. Esqueçam Jacques Tourneur e seu Morta viva de 1943. O zumbis mesmo nasceram em 1968. George Romero criou duas obras primas (Noite dos mortos vivos e Despertar dos mortos) que influenciaram todo o cinema (e agora a Tv). Nada mais foi como era antes. 

    Segundo a família de Romero, o diretor morreu enquanto dormia “após uma severa batalha contra o câncer de pulmão”. Ele faleceu enquanto ouvia a trilha sonora de um de seus filmes favoritos, Depois do Vendaval, clássico de 1952 dirigido por John Ford e estrelado por John Wayne. 

    George partiu, deixou o legado. Muitos filhos do seu cinema órfãos. Mas fez sua parte.


    “Meus filmes sobre zumbis foram tão longe que eu fui capaz de refletir os climas socio-políticos de décadas diferentes. Eu tenho um conceito de que eles têm uma pequena parte de uma crônica, um diário cinemático do que está acontecendo”.


    Acesse sua FILMOGRAFIA

    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top