• ÚLTIMAS...

    segunda-feira, 31 de julho de 2017

    ARNOLD SCHWARZENEGGER - 10 FILMES ESSENCIAIS


    Assim como Sly, Arnold é um mito. Debaixo de críticas e mais críticas, foi de fisiculturista a Governador. Com seu sotaque característico e diversos filmes fantásticos, o ator chega aos 70 anos sendo reverenciado até por quem o criticava.
    Swarzie provou que a estrela de um ator pode brilhar, mesmo quando é reconhecidamente, limitado na arte de interpretar. Arnold tem uma presença cena como poucos, e hoje é nosso homenageado. Confiram os 10 filmes que eu mais curti do ator, principalmente até nos anos 90.
    E só para constar, gosto muito de Em Busca de Vingança (2017), O Último Grande Herói  (1993) e Jogo Bruto (1986) (assisti todos recentemente). Mas optei mesmo por colocar os filmes que mais revi (atrelado aos grandes sucessos de bilheteria que o ator participou).

    Boa sessão:


    Há milhares de anos Thulsa Doom (James Earl Jones), um demoníaco feiticeiro, comanda um ataque por motivos até hoje não revelados que poderia ser simplesmente pelo prazer de matar ou para descobrir o segredo do aço, que era guardado pelos moradores desta aldeia. Conan (Arnold Schwarzenegger), um cimério, vê seus pais serem mortos na sua frente e seu povo ser massacrado, sendo que ele, ainda criança, é levado para um campo de escravos. Os anos passam e ele desenvolve uma enorme força física, o que faz Conan se tornar gladiador. Ele ainda se mantém determinado a vingar a morte dos pais e quando é libertado tenta alcançar seu objetivo. 


    Num futuro próximo, a guerra entre humanos e máquinas foi deflagrada. Com a tecnologia a seu dispor, um plano inusitado é arquitetado pelas máquinas ao enviar para o passado um androide (Arnold Schwarzenegger) com a missão de matar a mãe (Linda Hamilton) daquele que viria a se transformar num líder e seu pior inimigo. Contudo, os humanos também conseguem enviar um representante (Michael Biehn) para proteger a mulher e tentar garantir o futuro da humanidade.
    Originalmente, o papel do Exterminador seria de Lance Henriksen, cabendo a Arnold Schwarzenegger o papel do guerrilheiro que volta ao passado para proteger Sarah Connor.


    John Matrix (Arnold Schwarzenegger) é um coronel aposentado há dez anos que vive para Jenny Matrix (Alyssa Milano), sua filha. Repentinamente ela é seqüestrada por Arius (Dan Hedaya), um ex-ditador latino-americano que espera recuperar o poder, e que para isto chantageia Matrix, ordenando-o que mate o presidente Velasquez, o atual mandatário. Mas John foge do avião e tem só 11 horas para resgatar Jenny antes que descubram que escapou e não pretende cometer nenhum assassinato. Na sua tentativa só encontra obstáculos pelo caminho e a única pessoa que fica do seu lado é Cindy (Rae Dawn Chong), uma aeromoça.


    O major Alan "Dutch" Schaefer (Arnold Schwarzenegger) lidera uma equipe de resgate em uma selva da América Central, para tentar encontrar um ministro estrangeiro e funcionários do governo que saíram da rota e se perderam. O exército acredita que eles estejam nas mãos de guerrilheiros, mas o que eles não imaginam é que a floresta esconde uma ameaça mortal, um ser de outro planeta, fortemente armado, que sente enorme prazer em matar.
    De acordo com o diretor John McTiernan, a aparição do Predador nas selvas do filme seriam feitas pelo ator Jean-Claude Van Damme, que faria suas cenas em uma tela azul, com elas sendo posteriormente inseridas no filme através de efeitos especiais. Porém, após dois dias de trabalho, Van Damme desistiu do serviço porque seu nome não apareceria nos créditos de Predador.


    No ano de 2017, os Estados Unidos passam por um regime totalitário em que cada pessoa perdeu toda sua liberdade pessoal. Livros são queimados, discos destruídos e escolas fechadas. A única diversão do povo é a TV, e o programa mais popular é um cruel jogo em que o único prêmio é a sobrevivência. No meio desse caos, um homem é culpado de um crime que não cometeu, assim sua sentença é ou ir para a cadeia, ou entrar para o jogo, que o deixa constantemente entre a vida e a morte.
    O filme é baseado no romance de Stephen King, que o escreveu sob o pseudônimo de Richard Bachman. Ele escreveu a história em 72 horas.


    Ivan Danko (Arnold Schwarzenegger) é um duro policial russo que é obrigado a trabalhar ao lado de um extrovertido detetive Art Ridzik (James Belushi), de Chicago. A dupla investigará um importante criminoso internacional envolvido com tráfico de drogas que fugiu da Rússia em direção dos Estados Unidos.
    Arnold Schwarzenegger estudou russo por três meses e perdeu cinco quilos, enquanto que James Belushi visitou durante dois meses o departamento de polícia de Chicago e ganhou cinco quilos para o papel. O filme é dedicado ao coordenador de dublês Bennie E. Dobbins, que faleceu durante as gravações.


    Resultados de uma experiência genética, os gêmeos fraternos Julius e Vicente são separados ao nascer. Mary Ann, a mãe, acha que eles estão mortos. Agora, Vincent é um vendedor de rua sem escrúpulos em Los Angeles. Julius, criado por um cientista, cresce humilde, inteligente e forte, mas muito ingênuo sobre o mundo. Quando Julius fica sabendo sobre sua mãe e irmão, ele vai para Los Angeles para encontrar sua família.
    Depois de se consagrar astro, Arnold fez três (ótimos) filmes de comédia. Este, Um tira no jardim de infância e Junior. Fizemos a opção de colocar Irmãos gêmeos, mas não deixem de conferir os outros dois.


    2084. Douglas Quaid (Arnold Schwarzenegger) é um construtor e tem pesadelos recorrentes envolvendo uma viagem a Marte. Ele vai até a Rekall Inc., uma empresa que realiza implantes de memória que dão a sensação aos clientes de terem um final de semana dos sonhos. A intenção de Douglas é que seja implantada a memória de uma viagem a Marte, mas durante o processo algo sai errado. Ele perde a memória e passa a ser perseguido por assassinos, entre eles sua esposa Lori (Sharon Stone). Desorientado, Douglas descobre que na verdade chama-se Hauser e que é um agente da inteligência marciana. Em busca de respostas, ele viaja para Marte.


    Uma criança destinada a ser líder (Edward Furlong) já nasceu, mas infeliz por viver com pais adotivos, pois foi privado da companhia da mãe (Linda Hamilton), que foi considerada louca quando falou de um exterminador vindo do futuro. Neste contexto, um androide (Arnold Schwarzenegger) vem do futuro, mais exatamente um modelo T-800 igual ao filme original, para proteger o garoto, mas existe um problema: o mais avançado androide existente no futuro, um modelo T-1000 (Robert Patrick), que feito de "metal líquido", não pode ter nenhum dano permanente e pode assumir a forma que desejar, também veio para o passado com a missão de matar o menino.


    Agente de governo (Arnold Schwarzenegger), especialista em combate ao terrorismo, está casado há quinze anos, sendo que durante todo este tempo faz sua mulher (Jamie Lee Curtis) acreditar que apenas vende material de informática. A esposa por sua vez acha sua vida insossa e, coincidentemente, se envolve com um pretenso espião (Bill Paxton), no intento de trazer alguma emoção ao seu dia-a-dia. Ao investigar o "caso" da mulher, o agente descobre que o tal "espião" na verdade é um simples vendedor de carros, que inventa histórias mirabolantes para tentar conquistar mulheres emocionalmente carentes, e que sua mulher não o está traindo. Mas resolve dar um "susto" nela e, sem querer, acaba envolvendo a mulher e a filha (Elisa Dushku) em um caso de terrorismo no qual está trabalhando.


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top