• ÚLTIMAS...

    segunda-feira, 20 de março de 2017

    MICHAEL HANEKE - 10 FILMES ESSENCIAIS


    Haneke não é um cineasta de filmes fáceis. Este austríaco vencedor de Oscar, César, Bafta, Palma de Ouro e Globo de ouro tem seu público fiel, que espera cada produção para enaltecer e dar 5 estrelas. 

    Michael Haneke já explicou dessa forma o seu propósito em relação ao seu trabalho com o cinema: "Meus filmes se insurgem contra o cinema fast-food norte-americano e sua descapacitação do espectador. Eles são um apelo para um cinema de perguntas insistentes em vez de respostas falsas (falsas por serem rápidas demais), um apelo por um cinema que clarifica a distância ao invés de violar a proximidade, por um cinema da provocação e do diálogo ao invés do consumo e do consenso."


    Abaixo estão listados as obras imperdíveis deste grande cineasta das quais 4 foram lançados pelas Obras primas (conforme imagem abaixo).



    Boa sessão, bons filmes e não deixem de adquirir este box lindo deste grande diretor:


    Georges (Jean-Louis Trintignant) e Anne (Emmanuelle Riva) são um casal de aposentados apaixonados por música. Eles têm uma filha musicista que vive em outro país. Certo dia Anne sofre um derrame e fica com um lado do corpo paralisado. O casal de idosos passa por graves obstáculos que colocarão o seu amor em teste.


    1913. Em um vilarejo no norte da Alemanha vivem as crianças e adolescentes de um coral, dirigido por um professor primário (Christian Friedel). O estranho acidente com o médico (Rainer Bock), cujo cavalo tropeça em um arame afiado, faz com que uma busca pelo responsável seja realizada. Logo outros estranhos eventos ocorrem, levantando um clima de desconfiança geral.


    Um dia Georges (Daniel Auteuil) e sua esposa Anne (Juliette Binoche) recebem uma fita de vídeo com imagens de sua casa, que fora filmada por uma câmara instalada na rua. Depois disso começam a receber desenhos sinistros. Assustado, o casal tenta descobrir o autor daquelas misteriosas ameaças que perturbam a paz de sua família. Logo percebem que quem os persegue conhece mais sobre o seu passado do que eles poderiam esperar. 


    A cidade de Anna (Isabelle Hupert) e de sua família sofreu um grave desastre, que deixou a água contaminada e escassa, além disso, todos os animais tem de ser queimados. Ao tentar fugir desse caos, a família vai até sua casa de campo, na esperança de encontrar refúgio e segurança, só que ao chegar lá descobrem que ela já está ocupada por estranhos. Esse primeiro confronto é apenas o início de um doloroso processo de aprendizado.


    Erika Kohut (Isabelle Huppert) trabalha como professora de piano no Conservatório de Viena. Ela não bebe nem fuma, vivendo na casa de sua mãe (Annie Girardot) aos 40 anos. Quando não está dando aulas Erika costuma frequentar cinemas pornôs e peep-shows, em busca de excitação. Logo ela inicia um relacionamento com Walter Klemmer (Benoît Magimel), um de seus alunos, com quem realiza vários jogos perversos.


    A narrativa é divida entre três grupos de pessoas: a atriz francesa Anne Laurent (Juliette Binoche), o marido dela e sogros; uma romena, Maria (Luminita Gheorghiu), luta para ter dinheiro para sua família voltar para casa; e Amadou (Ona Lu Yenke), um professor para crianças surdas-mudas que está em conflito com seu clã africano. O catalisador das histórias começa numa esquina, onde o cunhado de Anne, Jean (Alexander Hamidi), insulta Maria, que implora ajuda. Amadou, enraivecido, provoca uma briga com Jean, resultando em repercussões negativas para os três grupos.


    O que seria um bucólico período de férias à beira de um lago para Anna, George e seu filho pequeno, transforma-se num pesadelo quando recebem a visita de um casal de jovens psicopatas, que os submetem a um tenso jogo de tortura psicológica.
    O diretor refilmaria a obra anos mais tarde. Deem uma lida na matéria sobre 15 diretores que refilmaram a própria obra aqui.


    71 cenas que mostram uma colcha de retalhos para retratar as atividades rotineiras de cidadãos austríacos, antes de um massacre. São pessoas comuns da multidão como um imigrante que acabou de chegar ao país, um casal que adotou uma menina, um universitário e um velho solitário que mostram o cotidiano e seus problemas.


    Adolescente de família rica, Benny compensa a ausência dos pais com as emoções do mundo dos vídeos. Aos poucos, sem que as pessoas percebam, seus valores e noções de realidade começam a mudar. Aproveitando que seus pais estão no campo, ele leva uma garota para passar o final de semana no apartamento. O que começa como um tímido 'love story' termina em catástrofe. A vida da família nunca mais será a mesma.


    Os últimos anos de uma família austríaca que decide escapar para a Austrália depois que a filha do casal, mergulhada em total desespero e tédio, inventa que está cega. Todos da família percebem então que sofrem desses mesmos sentimentos, e vão para outro continente onde decidem mudar de vida, e planejam algo bem sinistro. A depressão coletiva é levada ao máximo, e a atitude niilista da família se mostra quando eles decidem se desapegar completamente dos bens materiais e também da vida.


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top