• ÚLTIMAS...

    sábado, 29 de outubro de 2016

    TUCKER, UM HOMEM E SEU SONHO (1988) - LANÇAMENTO CLASSIC LINE



    Este esperado lançamento da Classic Line, dirigido por um dos maiores diretores do cinema, Francis Ford Coppola, conta a história real de Preston Tucker, um idealista extremamente competente que deixou um legado importante na história automobilística:  Tucker Torpedo. Apesar de ter produzido apenas 50 carros, 46 se encontram em pleno funcionamento, além de ter introduzido conceitos e equipamentos utilizados nos carros atuais. 

    O filme é considerado uma das obras primas do diretor,mas antes de falarmos sobre o filme, leia um pouco sobre quem foi Preston Tucker.

    Tucker...um homem....

    Preston sempre esteve envolto de carros: trabalhou de office-boy na sede da Cadillac Motor Company; Foi vendedor numa concessionária de Memphis, no Tenessee, chamada Mitchell Dulian; Foi proprietário de uma concessionária Packard em Indianápolis. Na década de 40, ele inaugurou em Michigan, a Tucker Aviation Corporation, indústria que fabricava aviões, tanques e canhões para a Segunda Guerra Mundial, mostrado brevemente no início do filme.

    Com o fim da guerra ele partiu para o ramo industrial afim de  construir um automóvel que fosse seguro, rápido, baixo, comprido e com boa aerodinâmica. Nascia o projeto Tucker Torpedo, um carro que estava anos à frente da concorrência em matéria de engenharia, velocidade, com estilo a frente de seu tempo, além de ser extremamente seguro. Em quinze anos de projeto, o carro recebeu diversas inovações como o design aerodinâmico desenvolvido pela indústria da aviação, além de apresentar uma segurança muito avançada para a época com cintos de segurança e compartimento deformável dos passageiros. O pára-brisas do Tucker Torpedo também recebeu uma atenção especial: ficava encaixado sobre uma espuma de borracha, fazendo com que ele saltasse  do carro em caso de colisão. Este carro também possui um farol central que vira acompanhando a direção do volante para iluminar nas curvas. Tucker se preocupava tanto com a segurança dos passageiros, que as maçanetas internas do veículo ficavam para dentro das portas para evitar que seus ocupantes se machucassem em caso de acidente. O interior do carro era todo acolchoado, inclusive o painel e o retrovisor interno era de plástico flexível.


    Preston Tucker conseguiu encomendas de 300 mil unidades de pessoas que queriam possuir o "carro dos sonhos" com um preço bem acessível. Com isto, conseguiu atrair 28 milhões de dólares através do mercado de ações dos Estados Unidos para iniciar o seu projeto, que foi colocado em prática numa antiga fábrica de aviões alugada em Chicago, onde chegaram a ser construídas algumas unidades do carro.

    Infelizmente, o mundo perdeu, na década de 40, uma revolução automobilística que ocorreria com o Tucker Torpedo, um carro que, nos testes realizados na pista oval de Indianápolis, entrava nas curvas a 170 km/h e atingia cerca de 190 km/h nas retas. Também fazia de 0 a 100 km/h em apenas 10 segundos, impressionante para a época.


    Tucker...o fim de um sonho...

    Peter foi massacrado por ser genial, inventivo, montar um carro barato e seguro. Uma conspiração das montadoras com o governo pôs um fim no sonho de Tucker. A razões são as mais óbvias para esta retaliação. 

    Detalhe:  um Tucker Torpedo chegou a desfilar nas ruas do Rio de Janeiro e São Paulo para tentar conseguir acionistas. Mas, com a dificuldade de se encontrar investidores, seu projeto não saiu do papel. Preston Tucker, o criador de um mito da indústria automobilística, morreu de câncer, em 1956, no Rio de Janeiro. 


    O filme.

    Coppola dirige com maestria seu projeto pessoal sobre um homem empreendedor, inovador, humano, criativo e persistente. O elenco de coadjuvante conta com famosos como Joan Allen, Martin Landau, Frederic Forrest, Mako, Elias Koteas, Christian Slater, além do sempre soberbo Jeff Bridges. 
    Com roteiro de Arnold Schulman e David Seidler (Vencedor do Oscar em 2010 por Discurso do rei), a história começa no período final da segunda guerra como citado no início do texto. 
    George Lucas é um dos produtores (e amigo pessoal de Coppola).


    Imperdível para os fãs.
               
    Sinopse:

    Na década de 1940, americano visionário constrói carro muito avançado para os padrões da época. O projeto ameaça o monopólio estalecido. Ford, Chrisley e GM, com a ajuda do governo, boicotam Tucker e o levam à falência. Apenas 50 carros foram produzidos por sua fábrica.

    Ficha Técnica:

    Título Original:Tucker: A Man And His Dream
    Ano de Produção:1988
    Audio:2.0 E 5.1 Dolby Digital
    Elenco: Jeff Bridges, Joan Allen, Martin Landau, Frederic Forrest, Mako, Elias Koteas, Christian Slater.
    Direção: Francis Ford Coppola
    Direção de Arte : Alex Tavoularis
    Fotografia: Vittorio Storaro
    Duração: 110 min aprox.
    Extras: Cartaz e trailer original.
    Formato de tela: Letterbox
    Idioma: Inglês - Português
    Legendas: Português


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top