• ÚLTIMAS...

    MARATONA CHUCK NORRIS


    McQuade, o Lobo Solitário (1983)

    Sinopse:

    McQuade (Chuck Norris) é um Texas Rangers renegado, e assim prefere trabalhar sozinho, por isso mesmo ganha o apelido de Lobo Solitário, e tenta ficar sempre na sua. Só que ele descobre que alguns criminosos estão com armas automáticas, e que eles as roubam do exército militar. Ele tenta se manter longe disso, mas quando dois amigos seus são mortos, ele pensa que já é hora de interferir. E dessa vez, ele não fará o trabalho sozinho, porque um agente do FBI que também quer pegar os bandidos, oferece ajuda a McQuade, e junto com um recruta, eles vão atrás do cabeça do bando de criminosos.

    Considerações: 

    Primeiro filme assistido do mito. É o filme que mais assisti e o que mais gosto. Trilha sonora impecável do mestre italiano Francesco De Masie vários atores com presença em cena. O filme é uma bela homenagem ao cinema spaghetti. Já na abertura detectamos isto. Há várias citações e até mesmo a luta final tem um ar de duelo. Entrevistei o simpático e atencioso diretor do filme, Steve Carver, entrevista esta que poderá ser lida daqui uns meses. E para completar meu carinho com o filme, ele me mandou 3 fotos do filme autografadas. 
    Obs: Muitos acham Macquade uma melhor homenagem ao faroeste spaghetti que Kill Bill. Não é irônico que o final seja Macquade vs Bill? Quem vence? O mito claro...

    Ficha Técnica:

    Título original: Lone Wolf McQuade 
    Diretor: Steve Carver
    Roteiro: B.J. Nelson , H. Kaye Dyal 
    Elenco: Chuck Norris, David Carradine, Barbara Carrera
    Duração: 1h 47min

    Nota: 7.0 Na minha cabeça é a nota máxima possível. Um 6 seria mais justo, porém o filme melhorou com os anos. Mas vou descobrir isto ao ver Comando Delta.


    Braddock - O Super Comando (1984)

    Sinopse:

    James Braddock (Chuck Norris) é um oficial americano que passou 7 anos no Vietnã do Norte como prisioneiro de guerra, e depois conseguiu escapar. Após uma guerra sangrenta, ele acompanha as investigações do governo que chegam até a cidade de Hoh Chi Minh para checar se são verdadeiras as denúncias de que soldados americanos ainda estão como prisioneiros. Braddock então viaja até a Tailândia para encontrar Tucker (M. Emmet Walsh), um antigo amigo do exército. Juntos, eles vão se embrenhar na mata do Vietnã em uma missão para tentarem resgatar os soldados americanos.

    Considerações: 

    Apesar de ser seu filme mais marcante, não há como fugir do tom picareta da Cannon. E já podemos ver porque Chuck Norris virou mito: na sequência que ele relembra ,  num sonho, a sua passagem pelo Vietnã, ele se explode com uma granada...e nada acontece claro...A granada que foi danificada severamente.
    Aliás...a picaretagem é tanta que a trilha sonora de American ninja, filme realizado pela mesma Cannon, no ano seguinte, é a mesma.

    Ficha Técnica:

    Título original: Missing in Action 
    Diretor: Joseph Zito
    Roteiro: Arthur Silver , Larry Levinson
    Elenco: Chuck Norris, M. Emmet Walsh, David Tress
    Duração: 1h 41min

    Nota: 5.0 


    Código do Silêncio (1985)

    Sinopse:

    Eddie Cusack é um detective de Chicago que trabalha pelas suas póprias regras, um hábito perigoso, especialmente quando quebra o pacto do "Código de Silêncio" para testemunhar contra um policial que matou um suspeito desarmado. Mas agora ele não recebe qualquer ajuda dos seus colegas quando se vê metido numa batalha contra dois reis do crime rivais.

    Considerações: 

    De certa forma, este filme foi minha maior decepção ao rever. Primeiro porque eu gostava muito. Segundo porque é um dos 5 filmes do ator que me marcaram quando adolescente. É um filme dirigido por Andrew Davis, que é competente e fez filmes como O fugitivo, que concorreu ao Oscar inclusive. 
    Fui um pouco mal de dar nota 4.0 e dar 7.0 para o Macquade, mas estou levando em conta o efeito "tempo".

    Ficha Técnica:

    Título original: Code of Silence
    Diretor:  Andrew Davis
    Roteiro:  Michael Butler, Dennis Shryack
    Elenco:  Chuck Norris, Henry Silva, Bert Remsen
    Duração: 1h 41min

    Nota: 4.0


    Braddock 2 - o início da missão (1985)

    Sinopse:

    O início da saga do coronel Braddock (Chuck Norris) no Vietnã, quando ele ainda era prisioneiro em terras asiáticas. Braddock é capturado e junto com outros americanos obrigado a trabalhar como escravo em uma plantação de ópio para um cruel homem chamado Yin (Soon-Tek Oh), que tem como sua maior ambição acabar com Braddock. Mesmo com forte torturas, o coronel americano irá lutar contra o traficante, e fará de tudo para fugir e resgatar seus companheiros.

    Considerações: 

    Filmado quase no mesmo tempo que Braddock - O Super Comando, o primeiro filme da trilogia, esse filme deveria ser lançado antes. Entretanto, quando os produtores perceberam que o segundo filme era melhor que o primeiro, eles decidiram lançar O Super Comando antes.
    E concordo plenamente. Este é o que melhor flui dos 3, com cenas marcantes, personagens caricatos na medida. 
    Curiosamente, o diretor fez apenas 3 filmes e dois deles marcaram os anos 80: este e Crepúsculo de Aço (1987). Sinal de que deveria ter continuado?

    Ficha Técnica:

    Título original: Missing in Action 2: The Beginning
    Diretor: Lance Hool
    Roteiro: Steve Bing, Larry Levinson
    Elenco:  Chuck Norris, Soon-Tek Oh, Steven Williams
    Duração: 1h 40min

    Nota: 5.5


    Braddock 3 - o resgate (1988)

    Sinopse:

    Os momentos em que viveu no Vietnã nunca foram realmente esquecidos, e dessa vez o coronel Braddock (Chuck Norris) enfrentará uma volta violenta ao passado. O ex-prisioneiro de guerra descobre que sua esposa vietnamita e seu filho ainda estão vivos, e não mortos como ele pensou durante 12 anos. Ao regressar ao Vietnã comunista, ele descobre que muitos filhos de homens americanos com mulheres vietnamitas estão órfãos e sendo explorados por um oficial, que já havia torturado Braddock quando ele estava preso. O coronel irá fazer de tudo para salvar essas crianças que foram esquecidas quando a guerra acabou, e entrará em combate mais uma vez.

    Considerações: 

    Sempre guardei a sensação de que este era o pior dos três. Revendo, de certa forma eu estava certo. Porém a palavra "pior" não se aplica porque os três são do mesmo nível inferior, sendo este um pouco pior. Fiquei até com vontade de assistir "Macquade" de novo. 
    E dentro das situações improváveis, Braddock fica 12 anos achando que a esposa morreu, ele volta ao Vietnã (que parece que durou para sempre o conflito), e é reconhecido pelo sádico da vez? 12 anos sem ver meu rosto, até eu esqueceria como sou, ainda mais alguém que me viu, provavelmente pela tv (vagabunda na época). Situações assim que retiram qualquer credibilidade da produção.
    E das 11 produções dirigidas por Aaron Norris, 10 são estreladas pelo irmão e apenas uma com Michael Dudikoff. Nepotismo?

    Ficha Técnica:

    Título original: Braddock: Missing in Action III
    Diretor: Aaron Norris
    Roteiro:  Steve Bing, James Bruner 
    Elenco:   Chuck Norris, Aki Aleong, Roland Harrah III
    Duração: 1h 41min 

    Nota: 5.0


    Invasão Usa (1985)

    Sinopse:

    Mikhail Rostov (o eterno vilão Richard Lynch) é um terrorista russo que resolve, literalmente, invadir os Estados Unidos. Ele junta uma quadrilha de mercenários e terroristas de todo o mundo, liderados por ele e por seu braço direito, Nikko (Alexander Zale), e entram facilmente no território americano, iniciando uma série de atentados e assassinatos que seria o início da auto-proclamada "Invasão dos Estados Unidos". O plano de Rostov é jogar os próprios americanos uns contra os outros e fazer ruir a democracia americana. E só há uma pessoa capaz de deter essa destruição Matt Hunter (Chuck Norris).

    Considerações: 

    Primeiramente, o filme ajuda a construir o mito Chuck Norris, afina, o terrorista para assolar os EUA com atentados terroristas, antes tem que matar Chuck Norris.
    Segundo, o filme cresceu por sair de uma história absurda e implausível para uma real e possível. O filme se tornou mais real que nunca, nestes últimos anos. Eu me lembro bem quando eu vi, lá nos anos 80, eu fiquei com aquele sentimento de "mas que absurdo de história exagerada..."
    A maquiagem é do especialista em terror Tom Savini, com quem o diretor Joseph Zito havia trabalhado anteriormente em "Sexta-feira 13 - Parte 4", de 1984. 

    Ficha Técnica:

    Título original: Invasion USA 
    Diretor: Joseph Zito
    Roteiro:  James Bruner , Chuck Norris
    Elenco:  Chuck Norris, Richard Lynch, Melissa Prophet,
    Alexander Zale, 
    Duração: 1h 47min

    Nota: 5.5


    Comando Delta (1986)

    Sinopse:

    Terroristas sequestram um avião, fazendo uma série de reféns, e exigindo que a aeronave leve todos para Beirute, no Líbano. O presidente dos Estados Unidos convoca uma poderosa equipe de elite para contornar a situação: O Comando Delta. Liderados pelo Major Scott McCoy (Chuck Norris) e o Coronel Nick Alexander (Lee Marvin), eles devem eliminar os criminosos e resgatar os inocentes, antes que seja tarde demais.

    Considerações: 

    Um all star cast: Marvin, Norris, Martin Balsam, Joey Bishop, Robert Forster, George Kennedy,  Susan Strasberg, Bo Svenson, Robert Vaughn, Shelley Winters, Steve James, Kevin Dillon, Liam Neeson.
    Embora não haja informação oficial dos produtores, muitos fãs do filme comumente alegam que os personagens e adereços do esquadrão Comando Delta faziam alusão à linha de brinquedos G.I. Joe (Comandos em Ação no Brasil) muito popular na época de lançamento, o que impulsionou o sucesso da franquia. Posteriormente a Hasbro lançou action figures inspirados nos personagens do Comando Delta.
    Foi o último filme do ator Lee Marvin, que viria a falecer no ano seguinte a produção, 1987, vítima de um ataque cardíaco.
    Steve James também morreu poucos anos depois, vítima de um câncer, aos 41 anos.
    Música tema inesquecível de .Alan Silvestri.
    Confesso não ter favorito entre este e Macquade. Mas comparando produção e atuações, este dá um banho no lobo solitário. Porém o primeiro faz  uma bela homenagem a filmes que amo demais. Mas racionalmente falando, este é melhor.

    Ficha Técnica:

    Título original: The Delta Force
    Diretor: Menahem Golan
    Roteiro:   James Bruner, Menahem Golan
    Elenco:  Chuck Norris, Lee Marvin, Martin Balsam
    Duração: 2h 05min

    Nota: 7.0


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top