• ÚLTIMAS...

    quinta-feira, 17 de março de 2016

    PAI EM DOSE DUPLA (2015) - CRÍTICA RÁPIDA DO DIA

    Sinopse:

    Brad (Will Ferrell) é executivo em uma rádio e se esforça para ser o melhor padrasto possível para os dois filhos de sua namorada, Sarah (Linda Cardellini). Mas eis que Dusty (Mark Wahlberg), o desbocado pai das crianças, reaparece e começa a disputar com ele a atenção e o amor dos pimpolhos.

    Rapidinha:

    O diretor é o mesmo de "Quero matar meu chefe 2", "Esse é meu garoto" e "Sex Drive". Poderia ter sido este seu primeiro bom filme. Mas não foi desta vez. Como roteirista, fez "Debi e Loide 2" e "Pinguins do papai", por exemplo. Walhberg faz aqui seu segundo erro com Will Ferrel. Achei idiota. Faltou sou o Adam Sandler.



    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top