• ÚLTIMAS...

    segunda-feira, 19 de outubro de 2015

    CABO DO MEDO NO CINEMA


    CÍRCULO DO MEDO (1962)

    Título original: Cape Fear
    Direção: J. Lee Thompson
    Elenco: Gregory Peck, Robert Mitchum, Polly Bergen 
    Duração: 105 minutos
    País de Origem: EUA

    Gregory Peck e Robert Mitchum estrelam a clássica história de Hollywood sobre a vingança e assassinato. Robert Mitchum está inesquecível como Max Cady, um ex-presidiário determinado a uma terrível vingança contra seu ex-advogado Sam Bowden, em magistral performance de Gregory Preck, e sua família. Sam é advogado numa pequena cidade e seu pior pesadelo se torna realidade quando o criminoso que ele defendeu retorna para perseguir e atentar contra a vida e a honra de sua jovem esposa e de sua filha adolescente. Apesar da ajuda do chefe da polícia local e de um detetive particular. Sam não tem poderes legais para impedir Max neste jogo sádico de gato e rato. Finalmente Sam decide colocar a vida de sua família numa terrível armadilha e enfrentar seu inimigo em um dos mais aterrorizantes confrontos já mostrados na história do cinema.

    Curiosidades:

    - Este filme foi refilmado 3 vezes, como "A Força do Mal" (The Force of Evil), de 1977, com Lloyd Bridges, como "Kanoon Kya Karega", em 1984, na Índia, mas foi a refilmagem de 1991, "Cabo do Medo", dirigida por Martin Scorsese que se tornou sucesso, e é um dos poucos casos em que a refilmagem chega a superar o original, mas nada que tire o brilho deste filme, pois se o remake é ótimo, o original não deixa de ser fantástico;

    - Thompson sempre imaginou um filme em preto e branco para essa produção. Sendo fã de Alfred Hitchcock, ele queria ter elementos hitchcockianos no filme, como ângulos incomuns de iluminação, uma estranha trilha sonora, closeups e sugestões sutis, em vez de representações abertas de violência que Cady tivesse em mente para a família do advogado;

    - E para quem não reconheceu, sim, o papel do Detetive particular Charles Sievers é feito pelo ator Telly Savallas, conhecido pelos seus papéis em filmes como o psicopata religioso de "Os Doze Condenados", e principalmente pelo seriado policial "Kojak", mas aqui com um porém, Telly ainda tinha cabelos nesse filme;

    - Polly Bergen sofreu escoriações leves em uma cena onde a personagem luta com o personagem de Robert Mitchum. Ele deveria arrastá-la através de várias portas no set, mas um membro erroneamente fechou todas as portas, para no momento em que Mitchum forçasse Bergen através das portas, ela estivesse realmente sendo usada como um aríete para abri-las;

    - O personagem de Max Cady foi oferecido primeiramente para Ernest Borgnine;

    - A interpretação de Gregory Peck está discreta e autêntica, mostrando de maneira convincente as reações do homem comum frente a um perigo quase impossível de ser detido;

    - No livro que inspirou esse filme, "The Executioners", escrito por John D. MacDonald, Cady era um soldado levado à corte marcial e condenado em seguida pelo estupro de uma menina de 14 anos, tendo o testemunho do tenente Bowden como principal peça da acusação. Novamente, a censura anticomunista interveio, seguindo a doutrina trazida por Joseph McCarthy, alegando que a palavra "estupro" não deveria aparecer, pois era muita obscenidade, e mais, que ter Max Cady como um soldado, conforme as palavras deles, "refletiria negativamente sobre os militares norte-americanos", o que levou as mudanças vistas no filme;

    - Este filme foi citado e "homenageado" várias vezes depois, quatro vezes somente no seriado de animação "Os Simpsons", duas em "Os Flintstones", e em pelo menos 7 filmes, dentre esses "Professor Aloprado 2" e "Instinto Fatal";

    - O hotel onde Mitchum leva Barrie Chase é a "casa da mamãe", usada no filme "Psicose" (Psycho), de 1960, onde Martin Balsam conheceu sua "morte" dois anos antes;

    - Robert Mitchum, que aqui faz Max Cady, no remake interpreta o tenente Elgart, Gregory Peck, que aqui interpreta Sam Bowden, no remake faz o advogado Lee Heller e Martin Balsam, que aqui faz Mark Duttom, no remake interpreta o Juiz;

    - De acordo com Robert Mitchum, durante as filmagens da cena da luta final entre ele e Gregory Peck, Peck sem querer lhe deu um soco de verdade. Mitchum, sabendo que Peck era profissional e jamais iria querer machucá-lo, simplesmente continuou filmando a cena. No entanto, ao entrar no seu trailer, Mitchum disse que "literalmente desmontou" devido ao impacto do soco e disse que ele sentiu dores durante dias depois de medicado. De acordo com as próprias palavras de Robert Mitchum: "Eu não sentiria pena de alguém suficientemente burro que quisesse brigar com ele (Peck)";

    - As propagandas e anúncios no rádio são narrados por Jeff Morrow, ator contratado da Universal Studios, que trabalhou, entre outros filmes, em "O Manto Sagrado";

    - As cenas externas foram filmadas em locações em Savannah, no estado da Georgia, Stockton, no estado da Califórnia, e na Universal Studios Backlot, em Universal City, Califórnia. As cenas internas foram feitas na Universal Studios Soundstage. Mitchum tinha muita raiva de Savannah, onde, quando adolescente, foi acusado injustamente de vadiagem e acabou preso junto com uma gangue de rua, fato este que fez com que a produção tivesse que filmar as cenas ao ar livre na Marina Ladd em Stockton, Califórnia, incluindo o conflito no final do filme;

    - J. Lee Thompson queria Hayley Mills no papel de Nancy Bowden, mas Mills não pode, porque ela era contratada pelo Walt Disney Studios;

    - Os sons dos animais na cena ao longo do rio não são daqueles da fauna local. Pode-se claramente ouvir o pio de um kookaburra, um pássaro encontrada somente na Austrália;

    - O filme precisou receber 162 cortes, para poder entrar nos cinemas como impróprio para menores de 18 anos, tal a força do seu roteiro, e também como disseram os censores à época "devido ao constante assédio sexual à criança, em uma sociedade temente a Deus, não podemos deixar esse tipo de pornografia livre em nossos cinemas";

    - E embora a palavra "estupro" tenha sido inteiramente retirada do roteiro antes das filmagens, o filme ainda enfureceu os censores ingleses, que estavam preocupados com o que seria, conforme as palavras dos próprios, "uma contínua ameaça de agressão sexual sobre uma criança". Para ser aceito, os censores britânicos fizeram uma extensa edição e exclusão de cenas específicas. Depois de fazer cerca de 6 minutos de cortes, ele ainda quase ganhou uma classificação X, "Adequado para as pessoas com 16 anos ou mais", mas não necessariamente que tenha conteúdo pornográfico;

    - A revista americana Newsweek selecionou em 2007 o personagem Max Cady, feito por Robert Mitchum, como um dos 100 melhores vilões da história do cinema, além disso, ele foi listado na 28ª posição na lista do American Film Institute como um dos 50 maiores vilões do cinema em todos os tempos;


    A FORÇA DO MAL (1977)

    Título original: The force of evil
    Direção: Richard Lang
    Elenco:  Lloyd Bridges, Pat Crowley, Eve Plumb
    Duração: 100 min  
    País de Origem: EUA

    Um assassino se vinga de uma família, mantendo sua palavra contra todos aqueles que arruinaram seu passado.
    O filme é uma grata descoberta, pouco vista. Aliás, quase todos os cinéfilos pensam que Cabo do medo é a única refilmagem do filme original.

    Capinha de VHS lançada aqui no Brasil



    O QUE A LEI PODE FAZER? (1984)

    Título original: Kanoon Kya Karega 
    Direção:   Mukul Anand
    Elenco:  Suresh Oberoi, Deepti Naval, Iftekhar
    Duração: 155 min
    País de Origem: Índia

    O advogado Gautam Mehra vive em Bombaim com sua esposa, Anju, e uma filha, Rakhsa. Um dia, enquanto retorna do tribunal, ele vê uma mulher sendo molestada. Ele telefona para polícia, e em seguida, tenta parar o molestador em vão. Mas a polícia não chega a prender o molestador. Gautam  testemunha contra Raghuvir Singh e ele é condenado a sete anos de prisão.
    Seis anos mais tarde, Raghuvir  sai da prisão e trama uma vingança contra Mehra. 


    CABO DO MEDO (1991)

    Título original: Cape fear
    Direção: Martin Scorsese
    Elenco:  Robert De Niro, Nick Nolte, Jessica Lange
    Duração: 127 min
    País de Origem: EUA

    O filme conta a história de um estuprador Max Cady (Robert De Niro), um psicopata recém-libertado da penitenciária que vai em busca de vingança contra seu advogado de defesa, Sam Bowden (Nick Nolte), acusando-o de falhas na sua defesa no tribunal, por não ter usado todas as provas que tinha a seu favor durante o julgamento que o condenou. Max Cady irá iniciar uma onda de terror contra Bowden e sua família.

    Curiosidades:

     - Poster feito pelo artista gráfico alemão Rocco Malatesta
     - A cena do auditório, no roteiro era pra ser uma cena de perseguição, mas Martin Scorsese preferiu que a cena fosse mais sobre sedução, então resolveu transferi-la para um auditório.
     - Spielberg estava escalado originalmente para dirigir o filme, mas resolveu passar o Projeto ao Scorsese, convidando-o pessoalmente.
     - Ainda quando Spielberg estava a frente do projeto, ele tinha a intenção de dar o papel principal ao ator Bill Murray

     - Foi o primeiro filme do Scorsese filmado em 2.35:1
     - Os atores Gregory Peck, Robert Mitchum e Martin Balsam, que estão no elenco de Cabo do Medo, participaram também do elenco de Círculo do Medo.


    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top