• ÚLTIMAS...

    OSCAR 1946 - VENCEDORES E CURIOSIDADES

    1946




    FARRAPO HUMANO
             
    Melhor Filme
    Farrapo Humano
    Melhor Ator
    Farrapo Humano: Ray Milland
    Melhor Atriz
    Alma em Suplício: Joan Crawford
    Melhor Ator
    Laços Humanos: James Dunn
    Melhor Atriz Coadjuvante
    A Mocidade é Assim Mesmo: Anne Revere
    Melhor Diretor
    Farrapo Humano: Billy Wilder
    Melhor Roteiro Original
    Marie-Louise
    Melhor História Original
    A Casa da Rua 92
    Melhor Roteiro Adaptado
    Farrapo Humano
    Melhor Fotografia Colorida
    Amar Foi Minha Ruína
    Melhor Fotografia em Preto-e-Branco
    O Retrato de Dorian Gray
    Melhor Direção de Arte em Preto-e-Branco
    Sangue Sobre o Sol
    Melhor Direção de Arte Colorida
    Gaivota Negra
    Melhor Som
    Os Sinos de Santa Maria
    Melhor Edição
    A Mocidade é Assim Mesmo
    Melhor Efeitos Visuais
    Um Rapaz do Outro Mundo
    Melhor Canção Original
    Corações Enamorados: "It Might as Well Be Spring"
    Melhor Trilha Sonora em Musical
    Marujos do Amor
    Melhor Trilha Sonora em Comédia ou Drama
    Quando Fala o Coração
    Melhor Curta (Dois Rolos)
    Uma Estrela Luminosa
    Melhor Curta (Um Rolo)
    Caminho Para Luz
    Melhor Curta Animado
    Silêncio!
    Melhor Documentário em Curta-Metragem
    Hitler Lives
    Melhor Documentário
    Verdadeira Glória




    Joan Crawford não estava presente na cerimônia de premiação - com medo de perder e ansiedade de ganhar - e fingiu estar doente naquela noite. Enquanto isso, ela ouvia o show no rádio. Quando ganhou, ela montou uma cena e chamou  a imprensa em seu quarto,
    onde finalmente aceitou o seu Oscar.

    Agora que a Segunda Guerra Mundial tinha acabado um clima mais otimista atravessava o país. Assim, o glamour voltou para a cerimônia de premiação.



    Bob Hope e James Stewart foram co-anfitriões da cerimônia.



    Foi a primeira vez que o vencedor de Melhor Filme também havia ganho um prêmio de prestígio (conhecido como o Grand Prix) no Festival de Cannes.


    "Farrapo Humano" foi o primeiro longa vencedor a tratar sobre questões sociais, o longa falava sobre o tabu do alcoolismo. Os próximos vencedores também trariam temas difíceis que a sociedade lidava.

    Pela última vez, houve muitas indicações nas categorias de som (12), canção original (14), trilhas em musical (12), trilhas em comédia ou drama (21). Desse ano em diante, passaria a haver apenas cinco.

    Pela primeira vez em 14 anos, os indicados a Melhor Filme vinham de 5 estúdios diferentes, ou seja, nenhum estúdio teve mais de um nomeado na principal categoria do Oscar.





    "Laços Humanos"
    MELHOR FILME

    Rosalind Russell por "O Preço da Felicidade"
    MELHOR ATRIZ

    "A Curva do Destino"
    EM TODAS AS CATEGORIAS

    Michael Curtiz por "Alma em Suplício"
    MELHOR DIRETOR





    8 - Os Sinos de Santa Maria
    7 - Farrapo Humano
    6 - Alma em Suplício
    6 - À Noite Sonhamos
    6 - Quando Fala o Coração
    5 - Marujos do Amor
    5 - A Mocidade é Assim Mesmo
    4 - As Chaves do Reino
    4 - Amar Foi Minha Ruína
    4 - Um Amor em Cada Vida
    4 - Também Somos Seres Humanos
    4 - Um Rapaz do Outro Mundo
    3 - Um Punhado de Bravos
    3 - O Retrato de Dorian Gray
    3 - Amor à Terra
    2 - A Bela do Yukon
    2 - Vivo para Cantar
    2 - O Coração não Envelhece
    2 - Um Dia Voltarei
    2 - A Morte de uma Ilusão
    2 - Rapsódia Azul
    2 - Cidade sem Lei
    2 - Corações Enamorados
    2 - Fomos os Sacrificados
    2 - Aladim e a Princesa de Bagdá
    2 - Você Já Foi à Bahia?
    2 - O Coração de uma Cidade
    2 - Laços Humanos
    2 - O Vale da Decisão
    2 - Why Girls Leave Home






    COMENTE USANDO SEU FACEBOOK:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Scroll to Top